sábado, junho 03, 2006

DesInformação

Edwin Abbey

O Supremo Tribunal de Justiça tomou uma decisão juridicamente inatacável. A melhor interpretação do Direito coevo não permitiria outra decisão.

O mau jornalismo, o sensacionalismo cego e reinante, com a impreparação e iliteracia que o caracteriza, sem cuidar de ler a decisão escolheu um título popular: União de Facto sem Direito a Pensão (o facto de a decisão defender exactamente o contrário é um irrelevante pormenor para o jornalista - pasquieiro, seria mais adequado para quem inventou o título - ).

Aproveitando as virtualidades da Internet, a noticia permite comentários; em catadupa, de forma tonta e imbecil, vai se escrevendo que o Tribunal decidiu porque é uma “classe cooperativista, não deve haver nenhum juiz a viver em união de facto”, que precisamos de “um governo sério q promova leis para julgar todos estes bandalhos...[e] já viu q há perspectivas para sermos expulsos da zona EURO?” (!!!!! devido à União de Facto??); com extrema eloquência afirma-se que “Ora uma pessoa vive com outra 25 anos, fazem uma vida normal ao lado um do outro aturam se, e ao fim de uma vida em comum são os irmaos e outros familiares é que vão receber ? Ora este GOVERNO não ta louro ? Será que o governo sabe o que anda a fazer? juro não tenho duvidas nenhumas que estes GAJOS do governo foram todos escolhidos a dedo do HOSPITAL MIGUEL BOMBARDA”.

Porque me chateia isto, pergunta-me o amável leitor?

Porque corresponde aos sinais dos tempos: juntamos um péssimo jornalismo com uma cidadania amorfa e ignorante, mexemos bem com um crescente sentimento de impunidade, e temos um país de irresponsabilidade; um pais de cidadãos alienados é o mais pertinente passo para possibilitar todos os mais tenebrosos ataques à civilização.

Informar não é um direito, é um dever; a má informação é a mais forte aliada dos mais escusos interesses.

3 comentários:

  1. Anónimo06:25

    Nice colors. Keep up the good work. thnx!
    »

    ResponderEliminar
  2. Anónimo09:56

    I really enjoyed looking at your site, I found it very helpful indeed, keep up the good work.
    »

    ResponderEliminar
  3. Anónimo16:17

    I find some information here.

    ResponderEliminar

Respeite as opiniões contrárias! Se todos tivéssemos o mesmo gosto, andávamos todos atrás da sua namorada! Ou numa noite de copos, a perseguir a sua mulher!