terça-feira, junho 30, 2009

O meu patético Benfica...

Depois de um conjunto de disparates, de contratações estranhas e burras, de uma angelical troca de treinador, finalmente o Benfica fez uma boa contratação: esta!

Apetecia-me...

... falar de águas, de cluster, de PDM`s, da RVM, do Diário do Alentejo, da Edab, de reuniões em Évora, de saberes, de pessoas maledicentes e blogues, de boatos, de novos sites na Internet, da TVI, das gajas boas da Sic que vêm a Beja hoje*, das minhas aulas de sexta-feira**, de um requerimento, de turismo...
Mas escolho nada dizer. Porque se parte de mim apetece, a outra está sem grande paciência!
Vou fazer quatro exames deste tipo. Porque isso apetece-me sempre...

* de infantários a 32 mil contos o terreno...
Adenda: musiquita nova...
** do curso de solicitadoria...

Coisas... IV

Foram apenas dois dias mas tiveram o sabor de muitos mais. Ter três sobrinhos como aqueles é um excepcional privilégio e que ajudam a preencher um imenso vazio.
E as sardinhas e as enguias fritas: dois dias ao ao sul(ol), para digerir uns meses complicados e ganhar forças para o que se segue! Confesso: regresso de ânimo novo e com certezas certas!

segunda-feira, junho 29, 2009

Coisas... III (rapidinhas!)

1. Não conheço muitas coisas melhoras na vida que sardinhas à beira mar. Ainda por cima quando são boas!
2. Li hoje na imprensa regional algo... que fiquei sem perceber se me deu vontade de ler ou de chorar!
3. Ontem de noite fiz ronda pelos blogue: inacreditável a mentalidade e a forma de estar na vida de algumas "pessoas". Escolho não comentar. Aliás: ando numa fase de silêncios e de apenas ir onde me sinto bem...
4. Que delícia de sardinhas...

Coisas... II

A minha sobrinha patanisca escolheu os meus sapatos novos. Claro que amanhã vou ter de comprar novos. É isso e o Diário do Alentejo...

domingo, junho 28, 2009

Coisas...

O texto já está escrito há umas semanas: e já só faltam 15 dias... Conto os minutos...

Intimo e pessoal...

O melhor ser humano que conheço faz hoje anos! Trinta e muitos! E tenho a honra de ser irmão dele! Ainda por cima ele farta-se de fazer filhos lindos (embora os dois mais velhos sejam um pouco parvitos)...
Luís, um beijo!

sábado, junho 27, 2009

Raio da terrinha...

... que mal chega o Verão - se pode chamar Verão a um dia de trampa como hoje - fica cheia de gentinha e há uma confusão de dar dó.

Coisas ...

Ontem a meio da tarde, estive uma hora e pouco a ouvir uma pessoa terrivelmente inteligente e com uma enorme capacidade de inventar projectos e depois colocar os mesmos em prática! Fiquei boquiaberto com a sua capacidade em planear as coisas!
Acredite: a ideia é excelente e vai correr muito muito bem! E... vou fazer questão de ir assistir a várias! E pense na possibilidade de fazer as "actas" dessas iniciativas!!!

Sinto nojo de mim próprio...


Hoje saí das aulas perto das vinte e duas, cansado, muito e terrivelmente cheio de fome. E com outras coisas! Desesperado fui ao Mac. Sinto vergonha e nojo de mim!
Por incrível que pareça, vi pessoas lá dentro a sorrir com aquilo no prato!

sexta-feira, junho 26, 2009

Mandato Falhado..

E assim falou o António Revez...

Beja Capital de Serviços...

Quando este post ficar visível no blogue, ainda estarei no Beja Parque Hotel a terminar a apresentação das propostas do grupo de trabalho que tive a honra de coordenar. Partilho agora as conclusões apresentadas com os meus leitores, de forma esquemática, de modo que estes se possam pronunciar e ajudar a contribuir para o trabalho que se está a realizar!
Não irei tecer mais comentários, excepto para clarificar um ou outro ponto! Obviamente que alguns vão discordar, acredito que outros irão concordar, mas estas são apenas as ideias que ao longo destes meses foram desenvolvidos, no âmbito do tema específico que me foi confiado! Se vão ser ou não aceites, confesso que é uma preocupação que não tenho: limitei-me a tentar fazer um trabalho sério e honesto, o melhor que consegui.
As Premissas:
Agência de Promoção Económica – uma visão activa da governação;
Marketing Territorial – em busca da atractividade perdida;
Parque Empresarial – tendo o “Parque Industrial” por espécie de paradigma: a questão da estética e os apoios às áreas de excelência;

Os Projectos:
A Loja do Cidadão – tendo o Banco de Portugal por ambição;
A Loja do Munícipe – a versão física e a virtu@l; - da modernidade à recuperação do centro histórico;
Gabinete do Empreendedor – O simplex do empresário e a determinação das áreas de excelência para o desenvolvimento regional;
Espaço Gourmet – a excelência do Alentejo num só local, um posto de turismo vivo, numa muralha perto de si;
Museu e Centro de Estudos do Azeite – Beja como a capital nacional do azeite, numa visão partilhada;
Aldeias Hotel – uma nova concepção de Turismo, para novos públicos;
Centro de Apoio a Familiares de Hospitalizados – uma Beja solidária;
Hospital de Cuidados Continuados – a Autarquia como motor de uma iniciativa público-privada;

Provedor do Munícipe – Uma visão de independência, um rosto da concorrência;
Unidade Móvel de Saúde e Atenção – levar a cidade aos montes do concelho;
. Cluster do Vinho: porque a Vinipax foi uma boa ideia;

quinta-feira, junho 25, 2009

Veja! Até pode babar para o blogue...

Quando eu voltar a ser um tio decente, vou levar os meus dois pirralhos mais velhos aqui! Veja o link ou espreite ali ao lado no sitio onde normalmente se colocam as musicas mai lindas do País!
PS - Espero que os donos desta coisa sejam leitores do blogue e me ofereçam três bilhetes e um espaço para fumadores!

Uma breve nota sobre o blogue...

Na ultima semana e meia, três pessoas - e duas delas de forma correcta - queixaram-se que o blogue anda a falar demasiado de política. Eu próprio tinha esse receio. E tenho tentado que o mesmo fique igual ao que sempre foi, bom ou mau!
Fiz contas: nos últimos cinquenta e sete post, cinco - e apenas cinco - foram dedicados a política, não obstante os últimos dias terem sido muito activos nesta perspectiva. Ou seja, números similares aos de sempre. Claro que no que concerne a comentários, as contas são diferentes. Mas... e mesmo no que concerne a comentários e apesar de os mesmos serem abertos e muito críticos, sem a menor dúvida que tenho os melhores comentadores da região: quem duvida, passe por vários blogues da região e olhe as caixas de comentários...

Mas... vou redobrar o esforço de despolitização do blogue: hoje aparece aqui mais um e depois vou limitar-me ao máximo. Que começo a ficar enjoado de algumas coisas...

Com quem fornica Ronaldo*

Nunca fui um grande entusiasta de Cristiano Ronaldo! Provavelmente por defeito meu, mas nunca embarquei no delírio lusitano, nesta fobia colectiva de considerar Cristiano Ronaldo a oitava maravilha do Mundo e a primeira de Portugal.
Hoje sem fanatismos, porque o meu triste clube não me deixa empolgar, sou consumidor moderado de futebol e, na qualidade de treinador de sofá, reconheço que Ronaldo é um jogador espantoso, um talento raro e inato, com a capacidade que só os predestinados têm de levantar estádios e deixar em êxtase os adeptos.
Não tenho opinião formada sobre se Ronaldo vale ou não os 95 milhões que o Real Madrid pagou por ele! Claro que o valor é obsceno e concordo com um treinador de futebol quando afirmou, que apenas a minha mãe vale esse preço! Mas importa não esquecer que o valor foi pago por uma empresa privada, que fez os seus estudos de merdado e concluiu que o investimento vai ter retorno económico. Pelo que, da mesma forma que nunca me juntei à histeria colectiva sobre os benefícios da magia do planeta Ronaldo, também não junto a minha voz ao bando de virgens impuras que clama vergonha, pintando a cara para fingir vergonha, procurando esquecer que valores similares são pagos no mundo da musica, do cinema, da pintura e outros tantos mais! E nestas coisas, mais vale a um português, onde existe a esperança de retorno para a nossa depauperada economia, que um estimável nacional de outro qualquer Pais.
Mesmo sem ser um especialista na temática, não cometo a ingenuidade de ignorar, que o valor exorbitante de Ronaldo, baseia-se na sua qualidade enquanto desportista, como na imagem de sex symbol que soube construir, na mediatização que atingiu e lhe permite ser uma referência sexual para milhares de mulheres e centenas de homens. Ronaldo, mesmo sem a inteligência erudita, teve a sapiência de saber ler melhor que quase todos o mundo em que vivemos, retirando desse facto imensos benefícios pessoais, que lhe permite ser Deus entre as mulheres e destruidor de ferraris na estrada!
Dito tudo isto e ciente que me alonguei nas premissas, vamos ao facto que motivou esta reflexão madrugadora: muito mais obsceno que o valor da transferência de Ronaldo e o seu próximo vencimento, é o facto de os telejornais das nossas tristes televisões, nos impingirem como noticia as quecas do jogador de futebol, dedicando a um tema que não ter interesse publico, várias reportagens em prime time!
Se as revistas cor-de-rosa são um exemplo paradigmático de uma quebra de valores e ética, de um Pais falhado e cusco, uma imoral intromissão na vida privada de pessoas publicas, assistir durante dias em pleno noticiário da noite ao relato de “quem comeu Ronaldo ontem”´é algo que me deixa com vergonha de ser português.
No dia em que um jornalista esquece que a sua nobre função é informar e entra no patético campo da mais abjecta coscuvilhice, então o jornalismo perde a sua razão de ser. Não perceber isso, é não compreender a importância cívica dos jornalistas num Estado que se deseja democrático!
* crónica Rádio Pax, com algumas alterações de linguagem...

quarta-feira, junho 24, 2009

Beja Capital convida... e desta vez o H também...

Quinta-Feira à noite, pelas 21h30 algures no Beja Parque Hotel, a candidatura de Jorge Pulido Valente organiza uma sessão pública de trabalho sobre o tema Beja Capital de Serviços, pilar que foi coordenado por um bonito rapaz com cara de parvo, de nome Hugo Lança.
As conclusões deste grupo de trabalho serão colocadas para discussão neste blogue, de modo a permitir que os de sempre expliquem porque é que todas são muito más e as outras péssimas.
Conto com a tua presença...

Coisas de Pássaros...

antes esbocei o tema. Mas sou constrangido a repisar o mesmo. Ontem à noite deitei-me e tinha um carro, hoje sai de casa e tinha merda de pássaro. De tal forma incrustada que nem 3 moedas no Elefante Branco retiram a dita...

100 razões para amar Beja - 86

Ovibeja. Sem mais. Porque não precisa...

terça-feira, junho 23, 2009

Falou o Presidente...

... da Câmara Municipal de Beja, para responder às criticas de Pires dos Reis e Pulido Valente. Sustentou que a culpa é do Governo e que Beja está melhor que Almodôvar e Mértola!
E ainda há ingratos que não entendem...

Não entendo...

... porque é que a malta protesta com isto! Com o número de reprovações nas escolas, até vamos ficar satisfeitos com os resultados dos testes...

Você sabia que...

... se colocar o cartão ao contrário, esta pen não funciona? Que falta de jeito tem a nova tecnologia...

100 razões para amar Beja - 85

Poderá para os mais distraídos parecer estranhissima esta razão para amar Beja, quando ainda por cima esta aparece escrita neste blogue pelo punho deste seu escriba. Até porque a homenageada de hoje não é para mim e para grande parte da minha geração uma referência.
Mas a cidade não sou eu e a minha geração, não se faz apenas dos nossos gostos e prazeres, dos símbolos que para nós fazem sentido.
Por outro lado, alguns não vão entender a escolha de hoje, porque foram programados para confundir conceitos que não são necessariamente paralelos. Não confundo nem nunca vou confundir os que lutaram contra o fascismo de Salazar e contra a ditadura de Marcello com aqueles que lutaram pela democracia. Bem sei que muitos não apreciam, mas é um erro confundir anti-fascistas com democratas, porque nem todos aqueles foram destes...
É controverso o papel histórica da personagem que hoje se evoca! Como nunca são lineares as lendas e os mitos ou as histórias dos grandes Homens. Do lado contrário aos que olham para a personagem como um dos grandes nomes do comunismo lusitano, existem aqueles que falam do triste fado de uma mulher que estava no local errado na hora errada, cujo nome foi esbulhado ao descanso dos mortos por estratégias partidárias!
Não entro na discussão do mito nem abraço as teorias da conspiração. Porque não me apetece. Porque não me interessa! Porque a imortalidade também se atinge por acaso e o que não falta são rebeldes sem causa. E goste-se ou não Catarina Eufémia é um dos símbolos maiores do Alentejo do século XX, o rosto da coragem e da determinação feminina, a cara de um Alentejo pobre e faminto, que se alimenta da miséria e da necessidade, mas que sonha, acredita e luta.
Um Alentejo que se faz de mulheres bravas, de homens violentos e estúpidos, de empreendedores generosos, numa partilha mal partilhada de amor à terra que tudo nos dá e tira!

segunda-feira, junho 22, 2009

Notícia Exclusiva

Cristiano Ronaldo continua imparável nas suas férias. Depois de vinte bifas nos EUA, agora o predador ataca no Algarve. Segundo informa a televisão e alguma comunicação social, ontem à noite foi a vez de Manuela Ferreira Leite não resistir aos encantos do Cristiano!

Recebi agora... (Com adenda e Esclarecimento)

... dois postais do Norte da Europa. Obrigado Tânya e Namorado da Tânya. Como invejo a vossa coragem! Por vezes, que vontade em fazer o mesmo... Mas sou cobardolas!

Adenda NÃO Relacionada com o texto supra: Constatei agora algo relativo ao blogue. Escolho não o comentar publicamente. Porque os jovens fazem erros e cometem tolices. E acredito que a verticalidade se reforça com a idade! Mas... não deixo de ficar triste pela confusão de valores, a confusão sobre o que são princípios!

Esclarecimento: por burrice minha, este post foi mal interpretado. Que fique claro, a Adenda não se relaciona com a Tanya e o namorado, que me parecem jovens de grande carácter, valores e coragem: verdadeiros exemplos...
O destinatário era um outro jovem, que anda confuso!!!

Hoje...

... está demasiado calor para amar, seja o que for. Confesso que não me recordava de um conjunto de noites tão quentes, desde um inesquecível Verão de há seis anos!

domingo, junho 21, 2009

E assim chegou o Verão...


... e a malta já se queixa e quer o frio...

Jorge Pulido Valente apresenta...II (Com Adenda!)

Terminou há minutos o jantar de apresentação infra referido!
Quando me pediram para opinar sobre o dia e o local, tive reservas. Achei o local perigoso e o dia complicado. Verão, calor, a praia a chamar, apresentação de miúdos no Pax e, ser no mesmo local onde Francisco Santos se recandidatou fizeram-me temer o pior. Mas enganei-me!
Quase setecentas pessoas - mesmo sem autocarros, nem chantagem!!! - encheram o espaço numa noite de terrível calor, um excelente discurso do Mandatário Barriga e nomes muitos bons para a freguesia. Vi muita gente confiante, acreditando que a vitória é certa!
Não sou nem nunca fui optimista e não acredito que a vitória esteja garantida! Mas mais do que nunca, é óbvio que pela primeira vez em trinta e cinco anos a vitória é possível! Mas a "guerra" apenas está a começar e temo que já ser muito duro! E que alguns queiram baixar o nível (veja-se os comentários a este post!!!).
Não subscrevo que esta candidatura tenha "pouco PS": acho que tem é muitos independentes o que é saudável e importante! E ver muitas caras ligadas ao PSD deixou-me muito satisfeito! Porque uma coisa é a cidade e outra bem diferente o País!
Eu sei que muitos querem mudar! E pela primeira vez é possível E.. é agora ou nunca!!!

Adenda: Pode ver o video... e concluir por si!
Adenda2: Estive a ouvir a posição oficial do Partido: afinal tiveram menos de 500 pessoas, afinal no jantar de Francisco Santos estiveram 1000, esta candidatura é demasiado independente, mas todas as caras são as mesmas de sempre... Poix!
Pérola final: o PCP quer a maioria absoluta. O Sócrates também...

sábado, junho 20, 2009

Se há coisas que me diverte...

... é a verticalidade dos(as) cobardes! A coragem de falar nas costas e através de insinuações. Gente boa e cheia de princípios...

Jorge Pulido Valente apresenta...

... os seus cabeças de lista para as Juntas de Freguesia e para a Assembleia Municipal, esta noite num jantar no Nerbe. Neste caso a excelente escolha foi José Luis Ramalho, o meu ex-chefinho.
A lista para a Câmara Municipal continua ainda privada, de forma a permitir que alguns munícipes se possam dedicar ao prazer de alimentar boatos e mandar palpites para o ar!

Beja, cidade Oculta e Esotérica

Feijoada de búzios...

Na Praia de Monte Gordo
encontrei um grande búzio!
Quando cheguei a casa,
em cima da mesa, o púzio!


Esta feijoada de búzios é uma verdadeira poesia gastronómica, com tons de pecado e desejo, que tantas vezes me deliciou na Zambujeira do Mar, nos tempos ainda que não tinha sido ocupada pelos festivaleiros! E não me venham com a treta de que não é coisa para se comer à noite e ainda por cima de Verão: se isso fosse verdade, se nas noites de Verão apenas se pudesse comer comida saudável, em Maio não nasciam filhos legítimos!
Vamos aos factos: e este facto que é prato começa com um refogado, feito obviamente em azeite alentejano, onde se mimam as cebolas, os alhos, pimento verde e, obviamente, pequenos nacos de presunto! Quando a coisa estiver com cara de loira esperta, junta-se o tomate, devidamente despido (de lata dá bem menos trabalho). Pouco. Pouco tomate. Apenas para oferecer a cor!
Se o meu caro tem queda para o masoquismo, pode comprar o feijão, passar o dito por água, deixa-lo estar 24 horas a dar mau cheiro à casa e mais não sei o quê. Caso não seja parvo, compre uma lata de feijão branco compal e jogue o dito para a panela!
E depois vamos aos búzios: claro que os pode comprar e cozer - caso o faça aproveite a água - comprar uns congelados ou, se quiser poupar tempo e paciência, compre os ditos já cozidos, tire os ditos para fora, parta em partes mais pequenas e, com um pouco de água (sim, não sei medidas) jogue para dentro da panela. Junte sal. E claro que o piri-piri!
Vá mexendo. No que conseguir e também a panela. Use pau, a colher! E no fim pode juntar uns coentros, sem ser congelados que estes são uma merda e só servem para sujar o congelador! Dizem.
E como. Coma muito. Como uma besta. E depois abra bem a janela! Pelo sim pelo não, é sempre feijão..

sexta-feira, junho 19, 2009

Cabrões...

Cabrões...

Ruy de Carvalho, digo, SENHOR Ruy de Carvalho nas tertuianas

Finalmente consegui cumprir a promessa de estar presente nas Conversas Tertulianas. E são ainda melhores do que estava à espera. Porque vale realmente a pena ir. Uma iniciativa que formalmente é da Estig/IPBeja, mas que na prática foi pensada e é executada pela Doutora Ana Paula Figueira, que merece os mais sinceros e rasgados elogios. Beja precisa de iniciativas assim!
A tarde começou de forma soberba, com a irmã Filipa e declamar de forma brilhante e comovente uma das cartas de Mariana Alcoforado. (apesar de demasiado bronzeada, a freirinha não deixa de surpreender!). Depois a sala encheu-se de um grande homem, que falou de si, da sua história, do seu passado, presente e futuro! Comovente e comovido: foi recompensador perceber o gozo e prazer que Ruy de Carvalho teve na tarde de ontem.
Ontem viu-se um homem, um senhor, um velho e uma criança, foi poesia, foi prova, declamou e encantou, foi riso, foi lágrima, foi emoção, foi comoção, foi ternura, foi encanto, foi Ruy, foi Carvalho, foi homem, foi casado e foi viuvo, foi palco, foi encanto, foi teatro!

Detector de chifres...

Para não dizerem que fui eu que inventei, deixo aqui o link da notícia, onde se promove um localizador de infidelidades!
Fontes bem inventadas, garantiram ao Viagra e Prozac que a mesma empresa já está na fase final para patentear um localizador de grelos carentes, brevemente num local pertinho de si...

Os 89 magníficos...

Tenho sido um dos críticos do actual mandato da Câmara Municipal de Beja! Não o faço por complexos ideológicos, por dor de cotovelo mal resolvida ou seguidismo partidário: critico e defendo a mudança porque Beja precisa e merece mais e melhor! Mas sempre entendi que a divergência é saudável e a crítica não pode ser cega: e foi nesse sentido que nas páginas deste jornal, em Outubro do passado ano, elogiei dois aspectos que me pareciam as marcas mais positivas do actual Presidente da Câmara: “restabelecer alguma ordem na selvajaria financeira que [encontrou quando tomou] posse, conseguindo equilibrar as depauperadas contas públicas” e a “inequívoca a tentativa de moralizar algum clientelismo municipal”.
Meses depois, quando as eleições se aproximam, sinto-me obrigado a fazer um mea culpa, a assumir o meu erro de análise! Mais que conquistar o direito a fazer esta crítica, pelo que antes deixei escrito, sinto ter a obrigação moral de o fazer! É com tristeza que hoje constato que o excelente trabalho de recuperação das contas municipais estragou-se com despesismo eleitoral, em iniciativas como a comemoração do Dia da Cidade – que correu muito bem – e o Festival da Juventude – que correu muito mal -, sendo que nestas festas com poucos foguetes se gastou em pleno ano de profunda crise internacional e nacional, 56 mil contos, subtraídos ao carenciado erário municipal!
Mas muito mais pernicioso e vergonhoso que os montantes gastos em festarolas para eleitor ver, é o inqualificável facto de a Autarquia se preparar para abrir OITENTA E NOVE lugares em ano de eleições. Não vou gastar o tempo do leitor a comentar a forma com a notícia surge na Imprensa; apesar de achar inaceitável que um jornalista (por quem nutro estima pessoal) aceite assinar um documento panfletário onde se procura deslocar as atenções da vergonha eleitoralista para o grave flagelo do desemprego!
Vamos a essa coisa aborrecida que são os factos! A CMBeja prepara-se para no fim de ciclo, aumentar em cerca 15% o seu número de funcionários! O que justifica que edilidade sinta esta premência repentina de tantas pessoas novas? Porque estranha razão apenas no fim de quatro longos anos de mandato e de trinta e quatro de hegemonia comunista, se percebeu que faltavam tantos recursos humanos para a CMBeja? Ainda por cima uma autarquia surda a críticas e que em momento algum foi capaz de assumir falhas no seu trabalho?
Mais. Se pretensamente o concurso foi para desempregados, quer dizer que os actuais colaboradores da Câmara Municipal de Beja não podem concorrer? Este concurso exclui quem está a recibos verdes ou contratos de trabalho por tempo determinado?
Importa sublinhar que aumentar em mais de 15% a massa salarial da CMBeja, pode hipotecar o futuro da autarquia, coarctando os projectos do próximo executivo. Pelo que se exige não apenas cuidado e bom senso, tendo de as contratações terem por base critérios sérios e rigorosos: para quem conhece a realidade da CMBeja resulta estranho que seja tão elevado o número de assistentes operacionais, quando seria de muito bom senso e de racionalidade económica procurar dar formação aos actuais trabalhadores, reconverto-os para funções onde se sentissem mais habilitados ou recorrer a excedentários!
Não pretendo atacar a honorabilidade de ninguém, mas não tem bom olfacto que para o Gabinete de Comunicação se exija alguém com formação académica em Sociologia e não, como pareceria lógico e óbvio, alguém formado em jornalismo ou relações públicas! Mas, dizia e mantenho, quero muito acreditar que o concurso vai ter regras limpas e permitir a entrada dos mais capazes, independentemente da sua filiação partidária ou parentesco! E se essa for a intenção de quem promove o concurso, seria interessante que o mesmo fosse realizado por uma entidade externa e independente, nomeadamente uma empresa especializada em recursos humanos. Porque tal como à mulher de César…
Se das palavras hoje aqui escritas, bem como o que outros já disseram, se conseguir que o concurso vai ser mais transparente, valorizando o mérito e a competência, porquanto a CMBeja está hoje ciente de que a sociedade civil vai escrutinar os resultados e analisar a lista dos admitidos, então, já valeu muito a pena escrever estas palavras…

quinta-feira, junho 18, 2009

A cárie mais cara do mundo...

Muitos disseram e escreveram sobre os 90 milhões do Cristiano ComeTudo Ronaldo. Mas se o Ronaldo é caro.. o que dizer de uma cárie que custou 15 milhões de Euros...
Isto há cada coisa.. que um tipo até fica com dor de... dentes!

100 razões para amar Beja - 84

Sou um apreciador muito moderado dos espaços que hoje evoco! E faço-o mais por necessidade do que por prazer. Uma necessidade relativa, está bem de ver! Por prazer, por muito prazer, apenas quando têm o bom senso de ter sushi ou rodízio. E não me venham com a treta que é uma contra-senso amar de paixão ambas as duas estas delícias! Sou absolutamente tarado por qualquer uma delas e, quando misturadas, combinam na mais perfeita perfeição!
Outros vão reclamar da minha ingenuidade ao escolher esta razão: mas acredito que a vida comanda o sonho e não abdico do prazer hedonístico de acreditar!
Hoje é apenas uma miragem, mas acreditando na boa vontade dos homens e num milagre na economia mundial, em breve Beja vai ter um centro comercial com as cidades normais, in casu, o Vivaci Beja.
Mesmo sem sushi, para um cinéfilo não especialista, a possibilidade de ter seis cinemas na cidade, rompe no par de trombas um sorriso. Mais do que isso, o bom senso obriga a reconhecer que a concretizar-se o centro comercial faz aumentar a atractividade da cidade, mormente, a nível regional. O que é tremendamente importante!
Não alinho na querela de que vai matar o comércio tradicional: este já morreu há muito e, com todo o respeito, os chineses que ocupam as artérias nobres da cidade, não são propriamente alentejanos... Por outro lado, os empreendedores da cidade (desculpem a piada!!) vão poder usufruir de um espaço que, não sendo de excelência, vai oferecer mais e melhores condições.
Termino deixando preto no branco (sem racismo) a explicação da escolha da razão: fascinam-me as cidades pequenas que oferecem sem embaraços a condições das grandes cidades: o centro comercial será um passo decisivo nesse percurso...

O meu patético Benfica

Hoje foi oficial a contratação de Jesus pelo Benfica! Não apenas defendi a continuidade de Quique Flores, como não mudo uma linha ao que deixei aqui escrito!
Jorge Jesus até pode ser bom treinador, até pode por o Benfica a ganhar e a jogar algo parecido com futebol, no mundo dos sonhos até ganhar o campeonato, mais a taça e a europa e até o torneio internacional de Vila Real de Santo António! Mas não tem perfil para o Benfica! Porque o Benfica exige não apenas mérito mas também princípios e verticalidade!
Quase sobre isto hoje recebi uma chamada de um amigo lisboeta de velhas guerras! (por acaso recebi duas, uma delas a perguntarem-me se era este ano que ia realizar o velho sonho de ser Presidente da Junta, proclamado na célebre noite na Horta da Fonte!); mas, sobre o telefonema desportivo, perguntava-me o tal amigo, se tal como fiz aquando da vitória de Vale e Azevedo, também iria de deixar de ser sócio se o palhaço ganhasse as eleições!
E respondi: Palhaço? Qual deles?!!

quarta-feira, junho 17, 2009

A ver TV...

Digam o que disserem, mas o gajo é bom! E o resto é conversa miudinha...

Pires dos Reis apresentou candidatura

Por razões óbvias não tive presente na apresentação da candidatura de Pires dos Reis à Câmara Municipal de Beja. Mas se tivesse ido, sei que me tinha sentido confortável! E mantenho tudo o que escrevi aqui, bem antes de ser oficial e quando muitos garantiam que não era ele!
Sou colega do Pires há uma década, tenho por ele muita estima pessoal e conheço bem a sua capacidade técnica, quer enquanto docente, quer o que pensa sobre a sua cidade! E sou testemunha de que é bem melhor pessoa do que é fotogénico!!!
Gostei de ler as suas propostas: apresenta seis pilares, vários deles comuns aos apresentados por Jorge Pulido Valente. O que é positivo e se aplaude! É a prova provada que o diagnóstico está feito, que a cidade sabe qual o caminho que deve percorrer e que este é o momento da mudança. E obviamente que Pires dos Reis e o PSD não vão ser muletas de ninguém: mas fazem parte da solução, não fazem parte do problema. Com mais quinhentos ou menos quinhentos votos, Pires dos Reis vai ser eleito vereador nas próximas eleições autárquicas: é competente e trabalhador e um acérrimo defensor da mudança! E estou convicto que o seu contributo após Outubro vai ser crucial para o desenvolvimento da cidade e da região!

Coisas realmente sem importância quase nenhuma

Tenho o carro quase impecavelmente lavado. Ainda por cima, quando entro, em vez de cheirar a peidos, suor e cigarros, agora tem odor a morango! Começo a temer estar a começar a ficar gay!

100 razões para amar Beja - 83

Foi das primeiras razões que escrevi no livro preto: mas deixei o tempo correr, deixando-a adiar até que agendei para esta semana. Porque se parte de mim a queria muito escrever, outra parte de mim não tinha vontade de recordar tantos anos. Aliás. Nem sei bem há quantos anos foi, quiçá em 1992! Mas recordo com a precisão que o tempo não esquece que estava uma noite cruelmente fria na sua inauguração! Primeiros dias de Dezembro, segundo me parece! Ou no finalzinho de Novembro!
Tive a enorme e especial honra de estar presente na inauguração, tendo mesmo feito uma peça de teatro, que curiosamente deu nome à casa. Com o meu querido Bruno Ferreira, salvo erro a Sandra e a Catarina! Depois fechou e foi mais que uma coisa. Mas confesso que me entristecia regressar!
Uma excepcional para amar Beja é (porque não me apetece dizer foi) o Rato e a Flauta! Abriu como um restaurante, um espaço de cultura e convívio, uma parte para exposições, uma zona de tertúlia, tudo em tons de branco moderno envolvido num sonho que sendo de vários, sempre foi sobretudo de duas pessoas! Odeio deixar escrito esta frase, mas a mais pura e patética verdade é que o Rato e a Flauta quando abriu era mais do que Beja merecia e estava habituada! Uma excepcional arquitectura, uma conjugação do antigo com o moderno num ambiente harmónico, um espaço de refeições que não era restaurante, mas tinha tiques de gourmet - um verdadeiro bistro avant la lettre -.
Encerrado o Rato, houve uma época que fizeram do espaço bar, depois local de exposições e hoje uma enorme porta verde encerrada, privando a cidade de um dos seus mais exuberantes espaços. Mas, chamem-lhe o nome que quiserem, para quem o acompanhou, será sempre e eternamente o Rato e a Flauta. E, que ninguém fique com dúvidas: este também é um post de homenagem a quem pensou e criou o espaço, Catarina e Maria João George. Estejam onde estiverem...

terça-feira, junho 16, 2009

A saude da saude...(Com Adenda)

A saúde da saúde na região e no País é o mote para o próximo Conselho de Opinião, hoje pelas 18h15 e com repetição amanhã durante o almoço. Ou na net...

Adenda: O programa teve a excelente participação do Dr. João Lemos! Pode ouvir aqui!

Dezasseis, pelos Baal 17 (Com Esclarecimento!)

Depois de ter ficado encantado com o Cabaret, fui ver uma nova peça dos Baal 17, desta vez no Auditório da ESEB, no âmbito de uma iniciativa cultural da Associação de Estudantes, "Cultura somos nós" (que saúdo, aplaudo e recomendo!).
Sobre a peça de hoje, um texto original muito ao estilo do clássico Confissões de Adolescente, feito com base na realidade de Serpa, mas com valência para qualquer parte do País. O texto está bom e inteligente! A banda sonora, excepcionalmente bem conseguida, permitiu um óptimo ritmo para a peça, fazendo a ligação entre vários monólogos e quadros!
Os actores estiveram muito bem. Todos eles. Mas sem desprimor para ninguem, uma palavra muito especial para o Rodrigo, que esteve muito bem aproveitando bem o facto de jogar em casa (um dia este rapaz toma juizo e muda de partido!!!) e muito especialmente para a Vânia Silva: já tinha gostado no sábado e hoje num registo muito diferente esteve extraordinária!

Após a peça houve um debate com a assistência sobre "temas de juventude": droga, alcool, sexo e gravidez na adolescência! Optei por sair a meio ou, para ser preciso, quase no início. E agora exerço o meu direito de ficar calado e abster-me de tecer comentários a essa parte...

Esclarecimento: Apesar de me parecer desnecessário, esclareço que as orientações politicas do Rodrigo apesar de conhecidas são do seu foro privado e, obviamente, que em nada têm relação com o Baal 17: parece que se percebe perfeitamente que foi uma singela brincadeira! Sobre o Rodrigo, mantenho o que escrevi aqui!

100 razões para amar Beja - 82

Aqui está um razão estranha de escrever, apesar de muito verdadeira! Começo em jeito de preliminares, por esclarecer que não sou amigo da pessoa em questão. Conheço, algo banal numa cidade pequena entre pessoas da mesma geração, temos vários amigos comuns, mas, confesso, que tirando um ou outro copo entre amigos, não me recordo de nunca ter trocado com ele, mais do que palavras de circunstância!
Ouviu várias vezes; algumas delas, bem antes de ser conhecido! E se era fácil de perceber que tinha talento, soube entender que o talento é um valor vazio quando não acompanhado por trabalho! E a coragem de acreditar em si, rompendo barreiras, primeiros regionais e agora nacionais!
Não sou especialista em música, mas não é preciso sê-lo para ficar encantado com a voz do António Zambujo! E, se hoje começa a ser um nome importante no panorama nacional, o céu será o limite caso se concretize um projecto excepcional com uma das mais importantes e míticas vozes da língua portuguesa!
Pensei em escrever por letras minhas algumas palavras sobre o artista: mas por mais que me esforçasse, ainda que encontrasse algures dentro de mim um excertos de excelência, jamais conseguia a poesia que Caetano Veloso dedicou ao To Zé ZAmbujo quando sobre ele escreveu "que se ouve em Zambujo é algo já que vai mais fundo. É um jovem cantor de fado que, intensificando mais a tradição do que muitos de seus contemporâneos, faz pensar em João Gilberto e em tudo que veio à música brasileira por causa dele."
Confessem: dá orgulho ler isto, não dá?

segunda-feira, junho 15, 2009

Desculpem interromper...

... eu sei que isto não tem interesse nenhum, mas encanta-me este cheiro a terra, quando a chuva se torna rainha nos dias de calor. Fui fumar, mas apenas tive vontade de ingerir este cheiro orgásmico!

Desculpem lá perguntar...

... mas hoje não consegui ver o telejornal e irrita-me não estar informado sobre o País e o mundo: alguém me sabe informar quem é que o Ronaldo comeu ontem à noite?!

Até dói...

... regressar ao trabalho depois de cinco dias a fazer coisa nenhuma...

100 razões para amar Beja - 81

Passei parte da adolescência sem compreender porque estranha razão os amigos lisboetas não apreciavam borrego. Mais. Não entendia o imenso espanto daqueles, quando na nossa terra comiam o borrego e achavam estranho ficarem encantados. Apenas descobri a razão nos saudosos anos em que morei em Lisboa, quando num ataque de saudosista mau senso, decidi ir a um hipermercado e comprar borrego para fazer ao jantar!
Recordo como se fosse hoje: preparei o dito, deixei-o ao lume enquanto tomava um duche e, ao regressar à cozinha, fiquei indisposto com o cheiro nauseabundo que deambulava pela casa: acredite, meu bom amigo, que o cheiro conseguia ser ainda pior do que o emanado pelas tipas das aldeias que passavam a noite a dançar nas colunas da Pandora!
Uma gostosa razão para amar Beja é sem margem para dúvida o borrego! E nem me venham com a treta que também há borrego em outros cantos do País, que podem percorre-lo de ponta a ponta e não encontram borrego como o nosso.
Claro que no caso do borrego, como em outras áreas onde somos lideres, era importante caminhar para a certificação e pela aposta no poder da marca e da publicidade: mas esse é um percurso que mais dia menos noite vai caminhar sozinho, porque é egoísmo demasiado grande, não partilhar a excelência com o resto do País...

domingo, junho 14, 2009

Desculpem incomodar...

Ando a ponderar comprar a coisa que está na foto! Uma mistura de lâmina de barbear com máquina. Tal como os melhores amigos das mulheres também têm pilhas e carregamos no botão e faz o serviço sozinha! Uma pergunta para as leitores que já experimentaram este gillette: aconselham?

Caravan Cabaret

Uma excelente noite de sábado. Para ver este estupendo espectáculo quase que valeu a pena ficar a assar em Beja durante os feriados!
A culpa foi da Sandra Serra que me fez o amável convite para ir assistir ao espectáculo, com direito a pagar o bilhete e tudo. Apesar de escrevermos para o mesmo jornal não a conheço: mas espero realmente que seja feia, porquanto era injusto para as outras mulheres que além de representar bem, ser inteligente e escrever excepcionalmente bem, ainda fosse gira! E se insistir em ser bonita, espero que pelo menos tenha a decência de ser vítima de violência conjugal!
Uma introdução na rua para animar o público e a primeira grande surpresa: o espectáculo foi na sala principal do Pax Júlia. Aplaudo de pé que se abra a sala principal para a arte cénica feita em Beja! (Beja, que para mim não é a cidade, nem sequer o concelho, mas o Distrito).
Porque não sei as razões porque o dia escolhido para o espectáculo foi hoje, abstenho-me de comentar o óbvio! Mas apesar de tudo, estavam mais pessoas no Pax que no Modelo, durante a hora do calor.
Não falamos apenas de um grande espectáculo para uma companhia de provincia: falamos de um excepcional trabalho, que pode ser apresentado nas melhores casas do País e ser uma razão de orgulho para os alentejanos!
Porque quem assistiu saiu satisfeito! Minto! Quem assistiu saiu muitíssimo satisfeito. E enriquecido com um espectáculo inteligente e maduro! Apesar de eu ser suspeito, porquanto os leitores sabem que gosto de qualquer coisa onde apareçam mulheres com meias de ligas!
Não vou comentar os "quadros" porque não é uma área que domine e não gosto de opinar do que não sei! Mas dois ou três quadros são muito bons, destacando um monólogo sobre as pessoas que se queixam e dizer mal dos outros! Excelente texto, soberba interpretação! De um actor com um talento inato e físico para o humor (apesar de quando apareceu de vestido azul, me fez lembrar uma ex-namorada, o que diz muito de mim e do meu triste passado!)
Para quem não assistiu, falamos de uma mega produção feita com pouco dinheiro (parece um paradoxo, excepto para quem acredita na virtude do trabalho e em lutar pelos sonhos), que mistura teatro, com musica, dança, magia, cor, som, tudo feito de forma tremendamente profissional, com um extenuante ritmo, sem falhas, sem quebras!
Não tenho ciência para me pronunciar sobre as músicas, mas um dos momentos musicais foi absolutamente extraordinário!
E, sem piadas tolas, uma palavra para a parte quase final, para um excelente momento de sensualidade e erotismo: não sei o nome da artista, mas fê-lo de forma excepcional, num momento sempre difícil para quem o realiza. Duvido que algum espectador tenha ficado sem uma reação!
Termino com uma crítica: é absolutamente inaceitável que se fumem em palco três cigarros, na sala principal do Pax Julia, num local onde é absolutamente proibido fumar, provocando sensações muitissimo desagradáveis nos espectadores! Especialmente num gajo que estava lá sentado, morto por ir fumar um cigarro!

PS - Era um crime de lesa cidade, o espectáculo não regressar num dia para pessoas normais!

Para os machos aqui do blogue...

Evite ser traído
Para as mulheres, uma verdade! (Para os homens, a realidade).
Você deve estar perguntando porque eu gastaria meu precioso tempo falando sobre isso. Entretanto, a aflição masculina diante da traição vem me chamando a atenção já há tempos.
Mas o que seria uma 'mulher moderna'?
A principio seria aquela que se ama acima de tudo, que não perde (e nem tem) tempo com / para futilidades, é aquela que trabalha porque acha que o trabalho engrandece, que é independente sentimentalmente dos outros, que é corajosa, companheira, confidente, amante... É aquela que às vezes tem uma crise súbita de ciúmes mas que não tem vergonha nenhuma em admitir que está errada e de correr pros seus braços... É aquela que consegue ao mesmo tempo ser forte e meiga, desarrumada e linda... Enfim, a mulher moderna é aquela que não tem medo de nada nem de ninguém, olha a
vida de frente, fala o que pensa e o que sente, doa a quem doer...
Assim, após um processo 'investigatório' junto a essas 'mulheres modernas' pude constatar o pior. VOCÊ SERÁ (OU É???) 'corno', ao menos que:


- Nunca deixe uma 'mulher moderna' insegura .
Antigamente elas choravam. Hoje elas simplesmente traem, sem dó nem piedade.
- Não ache que ela tem poderes 'adivinhatórios' . Ela tem de saber da sua boca o quanto você gosta dela. Qualquer dúvida neste sentido poderá levar às conseqüências expostas acima.
- Não ache que é normal sair com os amigos (seja pra beber, pra jogar futebol) mais do que duas vezes por semana, três vezes então, é assinar atestado de 'chifrudo'. As 'mulheres modernas' dificilmente andam implicando com isso, entretanto, elas são categoricamente 'cheias de amor pra dar' e precisam da 'presença masculina'. Se não for a sua meu amigo...
Bem...
- Quando disser que vai ligar, ligue,
senão o risco dela ligar pra aquele ex bom de cama é grandessíssimo.
- Satisfaça-a sexualmente. Mas não finja satisfazê-la. As 'mulheres modernas' têm um pique absurdo em relação ao sexo e, principalmente dos 30 aos 42 anos, elas pensam, e querem fazer sexo TODOS OS DIAS (pasmem, mas a pura verdade)... Bom, nem precisa dizer que se não for com você...
- Lhe dê atenção. Mas principalmente faça com que ela perceba isso. Seja muito carinhoso, sempre. Garanhões mau (ou bem) intencionados sempre existem, e estes quando querem são peritos em levar uma mulher às nuvens. Então, leve-a você, afinal, ela é sua ou não é????

- Nem pense em provocar 'ciuminhos' vãos. Como pude constatar, mulher insegura é uma máquina colocadora de chifres ..
- Em hipótese alguma deixe-a desconfiar do fato de você estar saindo com outra. Essa mera suposição da parte delas dá ensejo a um 'chifre' tão estrondoso que quando você acordar, meu amigo, já existirá alguém MUITO MAIS 'comedor' do que você... só que o prato principal, bem... dessa vez é a SUA mulher.
- Sabe aquele bonitão que você sabe que sairia com a sua mulher a qualquer hora? Bem... de repente a recíproca também pode ser verdadeira. Basta ela, só por um segundo, achar que você merece... Quando você reparar... já foi.
- Tente estar menos 'cansado". A 'mulher moderna' também trabalhou o dia inteiro e, provavelmente, ainda tem fôlego para - como diziam os homens de antigamente - 'dar uma', para depois, virar de lado e simplesmente dormir.
- Volte a fazer coisas do começo da relação. Se quando começaram a sair viviam se cruzando em 'baladas', 'se pegando' em lugares inusitados, trocavam e-mails ou telefonemas picantes, a chance dela gostar disso é muito grande, e a de é sentir falta disso então imensa. A 'mulher moderna' não pode sentir falta dessas coisas ... senão...
Bem amigos, aplica-se, finalmente, o tão famoso jargão
'quem não dá assistência, abre concorrência e perde a preferência'.
Deste modo, se você está ao lado de uma mulher de quem realmente gosta

e tem plena consciência de que, atualmente o mercado não está pra peixe (falemos de qualidade), pense bem antes de dar alguma dessas 'mancadas'.. ..
Proteja-a, ame-a, e principalmente, faça-a saber disso. Ela vai pensar milhões de vezes antes de dar bola pra aquele 'bonitão' que vive enchendo-a de olhares... e vai continuar, sem dúvidas, olhando só pra você!!!
(recebido por mail)

sábado, junho 13, 2009

Peço desculpa aos leitores...

... mas se hoje não responder, é porque vou passar o dia na Piscina Municipal de Beja que reabre hoje!

Ando com apetites de...

... ver todas as temporadas da melhor série de humor de sempre! Mas.. não as tenho....

Fora de Contexto: Música nova, linda, Linda, LINDA. Estava a ver o S. António e deixo o sétimo céu...

Coisas que têm mesmo de ser dizidas!!!

Um passeio por uma qualquer praia, permite perceber o drama das alterações climatéricas, mais o buraco do ozono, bem como as consequências trágicas de um Inverno inóspito e rigoroso, trouxeram efeitos claros e inequívocos: refiro-me obviamente ao crescimento exponencial da celulite feminina! Pelo que ainda se tornam mais importante para a cidadania cívica de Instituições como esta!

PS - Senhora Dona da Barraca é favor ler isto e actuar em consonância!

sexta-feira, junho 12, 2009

Dizem-me que é assim uma coisa tipo Muito Gira

Sábado à noite, no Pax Julia, pelas 21h30, da responsabilidade da Baal 17 – Companhia de Teatro na Educação do Baixo Alentejo. Caso esteja por Beja, faça como eu e apareça! Com sorte até há gajas desnudas!

A malta não é invejosa...

A malta não é invejosa... nem é verdade que quem amanhã vai passar o dia a trabalhar debaixo de um calor de malucos, vá passar o dia frustrado e cheio de raiva dos heterometrossexuais que vão ter direito a cinco dias de sol, areia e praia!
Nenhum de nós vai desejar que amanhã chova torrencialmente e que os centros comerciais estejam cheios de mexicanos constipados. Muito menos desejar que uma infecção de salmonelas cause uma epidemia de diarreia em todo o Algarve e que a fábrica de papel higiénico esteja encerrada para férias ou tenha falido! Como somos todos muito boas e generosas pessoas, vamos alegremente passar o dia a trabalhar desejando as melhores felicidades a quem vai passar o dia na praia. E bem desejamos que uma praga de formigas marroquinas não invada as praias para picar os tintins de quem está ao sol ou fazer o ninho nas gretinhas deitadas na areia!

Não falei sobre isto ainda...

Não falei sobre isto AINDA, mas achei piada a ler isto e recomendo esta leitura!

quinta-feira, junho 11, 2009

Cristiano Ronaldo...

Figo foi excepcional no Barcelona. Apenas bom no Real Madrid! Cristiano Ronaldo foi excepcional em Inglaterra. Hoje é oficial que vai para o Real. Que tenha sorte!
São 95 milhões de Euros mais um ordenado que faz corar um tomate! (dos de comer, não dos de lamber!). Vi agora a notícia num canal espanhol... e na qualidade de bom tuga, dá um certo gozo!

Desculpem a ignorância do rapaz...

... mas porque é feriado hoje? É o Corpo de Deus?!

Ao sul...

Eu gosto muito do Algarve! E digo a todas as pessoas que devem vir ao Algarve muitas vezes! No Algarve as praias são lindas, os restaurantes soberbos, as pessoas amorosas e quando o tempo ajuda até se podem ver gajas boas a passear de cuecas e soutien, apesar de lhe chamarem outro nome qualquer! O chato no Algarve é quando chega o Verão. Ou os fins de semana deste com pontes e feriados! Um excepcional prato como este torna-se numa banalidade, com a especial vantagem de que o preço sobe! Os clientes são embirrantes e os funcionários rimam com eles, matando o bom ambiente. As ruas enchem-se de gentes confusa que não sabem se vão para cima ou para baixo, tagarelando!
Venha ao Algarve. Apenas evite vir no Verão!

quarta-feira, junho 10, 2009

Amor de mãe...

Amor de mãe é ensinar com mimo, ternura e carinho o seu filhote amoroso de dois anos e uns trocos a mijar em plena praia! É encantador ver que os pais se preocupam e que lutam para impedir que as crianças cresçam a respeitar o ambiente, respeitar os outros e vão mijar nas casas de banho! O leitor pode não acreditar, mas hoje até há pais indecentes que incitam os putos a dizer "se faz favor" e "obrigado"! Estes pais é que mereciam que lhes tirassem os filhos e os mandasse para a Rússia para aprenderem a deixar de ser parvos!

Não é o estilo do Blogue, mas fica para o leitor reflectir e comentar

O António, depois de dormir numa almofada de algodão (Made in Egipt), começou o dia bem cedo, acordado pelo despertador (Made in Japan) às 7 da manhã. Depois de um banho com sabonete (Made in France) e enquanto o café (importado da Colômbia) estava a fazer na máquina (Made in Chech Republic), barbeou-se com a máquina eléctrica (Made in China).
Vestiu uma camisa (Made in Sri Lanka), jeans de marca (Made in Singapure) e um relógio de bolso (Made in Swiss).
Depois de preparar as torradas de trigo (produced in USA) na sua torradeira (Made in Germany) e enquanto tomava o café numa chávena (Made in Spain), pegou na máquina de calcular (Made in Korea) para ver quanto é que poderia gastar nesse dia e consultou a Internet no seu computador (Made in Taiwan) para ver as previsões meteorológicas.
Depois de ouvir as notícias pela rádio (Made in India), ainda bebeu um sumo de laranja (produced in Israel), entrou no carro Saab (Made in Sweden) e continuou à procura de emprego.
Ao fim de mais um dia frustrante, com muitos contactos feitos através do seu telemóvel (Made in Finland) e, após comer uma pizza (Made in Italy), o António decidiu relaxar por uns instantes. Calçou as suas sandálias (Made in Brazil), sentou-se num sofá (Made in
Denmark), serviu-se de um copo de vinho (produced in Chile), ligou a TV (Made in Indonésia) e pôs-se a pensar porque é que não conseguia encontrar um emprego em PORTUGAL...
(via mail)

Madame Bovary

Abre na noite de hoje o Madame Bovary, considerado o mais requintado bar de alterne do Sul do País! Propositadamente com inauguração no dia 10 de Junho, visa trazer à cidade o melhor da Portugalidade, sendo que todas as funcionárias são de países em que o português é a lingua oficial!
Situado num edifício histórico, recuperado com o recurso a apoios comunitários para a requalificação de património, tem uma área coberta de 400 m2, piscina ao ar livre e uma descoberta, saúna, banhos lusitanos, serviço de massagem, sushi bar e comida ao domícilio e um staff de quarenta e quatro pessoas! Na festa de inauguração, os proprietários vão organizar uma Festa Vermelha,- segundo dizem só com roupa encarnada é possivel entrar na noite de hoje, bem como convite - que se espera durar por toda a madrugada!

terça-feira, junho 09, 2009

Levanto-me para aplaudir de pé....

O PRESIDENTE Cavaco Silva vetou a obscena lei do financiamento dos partidos, aprovada por unanimidade por gulosos! Eu não tinha dito que Cavaco Silva lê este blogue...

Rapidinhas aqui do Burgo...II

Informa a Rádio Voz do Município que a Câmara Municipal de Beja vai contratar 44 lugares! (é para desempregados? Foi excluído quem tem emprego?)

Rapidinhas aqui do Burgo...I

Um polícia foi agredido por um individuo da etnia cigana. Esperamos que desta vez apresente a respectiva queixa!
O que pensam os candidatos à Câmara Municipal de Beja sobre a relação da Autarquia com a Comunidade Cigana? Uma boa pergunta para os candidatos...

Convite

Com a transição definitiva para as novas instalações da ESTIG (Escola Superior de Tecnologia e Gestão de Beja), seria deixar ao acaso o términos de uma longa caminhada realizada no edifício da antiga CP. Desta forma, surgiu a ideia de da realização de um evento de despedida “Arraial”, para uma saudável confraternização entre professores, alunos, funcionários e antigos colegas, de forma a manter vivo o espírito que faz toda aquela máquina se movimentar e produzir frutos.
Desta forma, convida-se toda a comunidade académica a participar no Arraial da ESTIG, que terá lugar no actual edifício, dia 18 de Junho de 2009, a partir das 22:00 horas. No fim do arraial, os docentes da casa vão ser convidados a partir o mobiliário e usar o mesmo para assar sardinhas!

100 razões para amar Beja - 80

Esta - como algumas outras, apesar de a esmagadora maioria dos leitores não terem identificado - é uma razão que se escreve com número próprio! E esperou durante semanas em respeitoso silêncio, aguardando o momento exacto para se apresentar neste blogue, cada vez mais seu do que meu!
Para muitos, quiçá a larga maioria, este é um enorme problema da cidade de Beja. Aliás, fazendo algo que começa a rarear na actualidade, arrisco dizer o que para muitos este é uma das grandes complexidades da vida moderna. Mas peço desculpa por pensar diferente e estar absolutamente convicto que a mais terna razão para amar Beja são os nossos velhos!
Bem sei que alguns vão ralhar em comentário, que pessoas da mais experiente das idades há em todas as vilas, aldeias e cidades do País e sou o primeiro a reconhecer que os nossos não são especialmente diferentes dos outros! Mas desde logo são nossos, o que os torna mais belos!
Por outro lado, o envelhecimento populacional é uma verdade mais verdadeira no interior do País, sendo que em regiões deprimidas o número cresce!
Bem sei que tudo isso é verdade, não ignoro que este País também não é para velhos, mas acho que ter nesta cidade e concelho tantos anos acumulados de experiência de vida é uma razão de orgulho, não de depressão!
Obviamente que temos de ter a inteligência para transformar putativas dificuldades em excelsas vantagens e, no caso da velhice, mais do que qualquer outra, é um excelente pretexto para conseguir ver oportunidades onde os outros apenas vêm dificuldades!
A experiência, o saber acumulado, a ternura da idade do mimo, o carinhos dos avós que cuidam dos netos e os acompanham à escola (peço desculpa aos leitores de Lisboa, por falar em algo que pensam que já não existe!), a beleza poética da conversas de jardim, são apenas uma das razões para amar os velhos da nossa cidade. E espero que em conjunto saibamos construir razões para os nossos velhos amarem a nossa cidade...

segunda-feira, junho 08, 2009

domingo, junho 07, 2009

As eleições europeias e as autárquicas aqui do burgo...

A pedido de alguns leitores nos comentários infra, uma breve nota sobre os resultados das europeias de hoje e as autárquicas de Outubro!
O PCP ganhou de forma inequívoca as eleições de hoje com 32% dos votos. Mas apesar de fazerem uma festa forçada e procurarem transformar a derrota desta noite em vitória, os resultados de hoje provam que está tudo em aberto para as autárquicas!
O PCP hoje teve menos 10% que nas autárquicas (tinha tido 42%) e apesar do patético resultado do PS, PSD e PS tiveram mais de 40%!
Hoje ficou provado que a mudança é possível! E como muitas vezes disse, compete ao eleitorado do PSD decidir se quer continuar a permitir que o PCP se mantenha no poder ou se este é o momento para mudar. Não mudar por mudar, mas mudar para muito melhor!
Porque Beja é o nosso Partido!

Então, buga lá falar de eleições... (com Adenda)


Estive indeciso até ao último instante...mas fui votar! E até votei em verdadeira consciência!

Adenda: Ganhou a abstenção! Embora pensava que ia ser ainda maior! Manuela Ferreira Leite teve um resultado muito positivo, o que me apraz! Bem como todo o centro direita na Europa, o que me deixa muito satisfeito! Menos satisfeito, fico com o excepcional resultado do Bloco de Esquerda (e se for ao terceiro, ninguém cala o Louçã).
Os grandes derrotados da noite foram, por esta ordem: os adversários internos de Manuela Ferreira Leite, José Sócrates (o resultado do PS está próximo da humilhação) e o PCP, que apesar de gritar vitória, foi superado pelo Bloco.

Nota Importante: PSD e CDS podem aspirar a maioria absoluta nas legislativas, tornando o País governável!
PS - Por lapso não o disse antes: o grande vencedor da noite foi Durão Barroso, que hoje garantiu o segundo mandato. Uma boa notícia!

Hoje é dia de...


... ir às urnas!

(acredite o bom leitor, que não é fácil fazer um post tão parvo, estupidamente absurdo por tantas razões! Espanto-me como consigo baixar ainda mais o nível deste mal frequentado blogue!)

sábado, junho 06, 2009

Desculpem interromper... (com Adenda)

... mas porque é que o Benfica foi jogar esta noite contra a Albânia?!

Adenda: o post foi escrito no intervalo. Acrescento agora na sequência do golo do Bruno Pugilista Alves! Há uma palavra para descrever este jogo: patético!

Humor intelectual para juristas inteligentes! As minhas desculpas aos restantes!

Fui lavar o carro esta semana e agora está todo porco devido à chuva. Por isso mesmo vou processar o Bispo de Beja! E não me venham com tretas de falta de legitimidade passiva: parece-me óbvio que entre ele e S. Pedro há uma relação de comissão!

Provavelmente a melhor bebida do mundo...

... é a que vos brindo esta noite!
O repto foi lançado há duas semanas: também falar sobre bebidas! A ideia era protelar, apenas tocar no assunto daqui a umas semanas! Mas o dia hoje foi um dos tais... que apenas terminou à breves minutos, felizmente com os pezinhos de porco de coentrada parte II (perfeito para as 22h30).
Partilho com os meus leitores a segunda maravilha do mundo contra a frigidez: a minha sangria de champanhe!
Desde logo se esclarece que tem este nome snob, mas usa-se um espumante ranhoso, em regra o mais barato do LIDL. E não pergunto grandes pormenores, porque apenas sei que é uma garrafa verde decadente, que nem têm direito a rolha de cortiça!
Abre-se a dita garrafa, agarrando com carinho na ponta da mesma, agitando ligeiramente até estar no ponto óptimo para a explosão do champanhe que é espumante e verte-se o líquido num recipiente! Depois junta-se uma SevenUp de uma marca qualquer, sensivelmente na mesma quantidade. Um pouco de suco de laranja (mesmo pouco) e depois é o momento mais delicioso: a adição de açucar! O resultado é algo de excepcional, porquanto produz uma estupida reacção química, que faz a coisa extravasar limites que o meu caro desconhece.
Junte fruta. Preferencialmente vermelha, tipo morangos, framboesa. Ou maça, caso não seja o tempo daquelas. E gelo. Muito gelo. Imenso gelo! E encha o copo das gajas!
E acredite: as feias ficam lindas! E você fica lindo para as lindas...

sexta-feira, junho 05, 2009

Pode perfeitamente...

... ser a grande solução para os programas que os diversos partidos vão apresentar nas próximas eleições legislativas! Pensem nisto...

A vida anda complicada! Anda anda...

Justiça norte-americana decidiu : esperma é propriedade da mulher!
Usar esperma para engravidar sem autorização do homem não caracteriza roubo porque, uma vez ejaculado, o esperma torna-se propriedade da mulher.
O entendimento é de um Tribunal de Apelação de Chicago, nos Estados Unidos, que devolveu uma acção por danos morais à primeira instância para análise do mérito.

Nela, o médico Richard Phillips acusa a colega Sharon Irons de "traição calculada, pessoal e profunda, no final do relacionamento que mantiveram há seis anos". Sharon teria guardado o sémen de Richard depois de fazerem sexo oral e usado o esperma para engravidar o que lhe foi relativamente fácil, pois ambos trabalhavam no mesmo Hospital. Richard Phillips alegou ainda que só descobriu a existência da criança quando Sharon ingressou com acção exigindo pensão alimentícia. Depois dos testes de DNA que confirmaram a paternidade, o médico processou Sharon por danos morais, roubo e fraude.

Os juízes do Tribunal de Apelação afastaram as pretensões quanto à fraude e roubo, afirmando que a mulher não roubou o esperma. Levaram em consideração o depoimento da médica segundo a qual, quando Richard Phillips ejaculou, ele entregou o seu esperma, deu-lho de presente. Para o Tribunal, houve uma transferência absoluta e irrevogável de título de propriedade, pois não tinha havido qualquer acordo para que o esperma fosse devolvido.

Passeio de cães...

Amanhã o Cantinho vai organizar um passeio com os seus animais. Curiosamente Domingo, será a vez de alguns partidos...

Agora a sério: eu estava a pensar ir. Até já tenho a coleira e trela! Mas... quem me passeia?!

100 razões para amar Beja - 79

É complicado para mim discorrer sobre esta motivação! Porque apesar de a reconhecer, pessoalmente não a aprecio!
Permitam-me contextualizar para não ferir susceptibilidades! Eu não vi o Nemo e nem sei de quem é que ele andava à procura! Sei que há o outro em que o veado no fim leva um tiro e toda a gente chora ranho e baba, mas confesso que nem sei como se chama o dito! Sei que toda a gente ama de paixão o Rei Leão, mas sou daqueles que acha que o rei dos leões é o estupor do Liedson!
Como em puto parvo, nunca tive paciência para os livros de quadradinhos: sempre me pareceu CasaPiano que o Pato Donald apesar de não ter irmãos tivesse lá em casa três sobrinhos!!! Como, sejamos honestos, a história da tipa que morava com os 7 anões, dá toda a sensação de regabofe! Aliás, como se sabe, a Branca de Neve foi inspirada em filmes da PlayBoy...

Mas o facto de não apreciar determinada arte, não significa que a ignore ou não reconheça a excelência de algum trabalho: e o Festival da Banda Desenhada é uma magnifica razão para amar Beja. Passei por lá uma vez. E nunca senti especial apelo por voltar! E sei que a maioria da cidade infelizmente partilha do mesmo sentimento que eu! O que é pena.
Tendo pesquisado e lido, constato que a iniciativa é extremamente aplaudida no meio, sendo considerado com uma (ou mesmo "a") referência naquele mercado! Que carrila para Beja centenas de pessoas e contra ventos e tempestades, vai na quinta temporada, consolidando todas as condições para crescer e tornar-se ainda mais relevante!
Temos o defeito de pensar em turismo de massas, como se todo o outro fosse irrelevante! Cometemos o pecado de valorizar muito as grandes iniciativas, esquecendo que muitas pequenas podem ter mais premência que apenas uma grande. E nem sempre acarinhamos algumas iniciativas que passam a leste dos nossos interesses. O que é um erro crasso!
O Festival de Banda Desenhada pode ser um espelho da Beja que sonhamos: uma cidade que se faz notar pela diferença, que absorve as oportunidades que a vida lhe dá, que tem a coragem de inovar e ousar construir coisas. Ainda que sejam desenhos em livros de quadradinhos...