segunda-feira, dezembro 28, 2009

Porque hoje é dia 28...



É giro que há imagens que o tempo não apaga nem esbate. E recordo-me perfeitamente deste mesmo dia há onze anos atrás! Esta frio e chuva! Um daqueles dias cabrões de Dezembro, que apenas convidam à pacatez do sofá e do lume! Mas imperativos de força melhor chamaram-me ao Hospital, onde um irmão nervoso fumava nas escadas! (e não apenas ele...). Era fim da tarde, quase de noite, se a memória não me faz mentir! Recordo-me entrar escondido e ver o meu pequeno grande príncipe, terrivelmente belo, com minutos de vida, de olhos bem aberto numa estranha estufa, sozinho, de olhar cinzento, forte, penetrante, arrebatador! Vi algumas coisas feias e felizmente algumas belas, mas nunca um olhar me marcou tanto como aquele. E só não falo deste olhar com saudades que outros olhares iguais se juntaram aquele, preenchendo um vazio, da forma plena que só vocês três conseguem! Parabéns, meu príncipe, meu paspalhinho!

8 comentários:

  1. Anónimo01:15

    Há sentimentos que não se conseguem expressar em palavras...

    ResponderEliminar
  2. Anónimo09:22

    E não há palavras que consigam expressar o que se passa cá dentro...

    ResponderEliminar
  3. Anónimo14:47

    Sr. tio babado agora só falta saber o que é ser pai...
    E aí sim...não há palavras...

    ResponderEliminar
  4. Não duvido! Mas nem sempre a vida nos dá o que desejamos! Apenas o que fizemos por merecer!

    ResponderEliminar
  5. Parabens ao sobrinho !

    E de certo que a vida lhe dará o que deseja, um novo ano se aproxima =)

    Bom Ano 2010 =)

    ResponderEliminar
  6. "..O que fizemos por merecer..."??!!

    Parabens ao sobrinho, que é um giraço!

    ResponderEliminar
  7. Tem razão e parabéns ao sobrinho e assim como aos irmãos. Quanto ao resto é a mais pura verdade nem sempre temos o que desejamos nem o que nos esforçamos para ter.... quem sabe um dia

    ResponderEliminar
  8. luxinha15:44

    tb recordo à 14 anos de deixar de ser filha única para começar a ter uma companhia que me chateia quando estou em casa e que é muito teimosa, mas que quando estou em beja sinto um enorme vazio e a desejar que o fim de semana chegue!

    eheh além da minha mana, a minha avó tb faz anos.

    ResponderEliminar

Respeite as opiniões contrárias! Se todos tivéssemos o mesmo gosto, andávamos todos atrás da sua namorada! Ou numa noite de copos, a perseguir a sua mulher!