sexta-feira, junho 26, 2009

Beja Capital de Serviços...

Quando este post ficar visível no blogue, ainda estarei no Beja Parque Hotel a terminar a apresentação das propostas do grupo de trabalho que tive a honra de coordenar. Partilho agora as conclusões apresentadas com os meus leitores, de forma esquemática, de modo que estes se possam pronunciar e ajudar a contribuir para o trabalho que se está a realizar!
Não irei tecer mais comentários, excepto para clarificar um ou outro ponto! Obviamente que alguns vão discordar, acredito que outros irão concordar, mas estas são apenas as ideias que ao longo destes meses foram desenvolvidos, no âmbito do tema específico que me foi confiado! Se vão ser ou não aceites, confesso que é uma preocupação que não tenho: limitei-me a tentar fazer um trabalho sério e honesto, o melhor que consegui.
As Premissas:
Agência de Promoção Económica – uma visão activa da governação;
Marketing Territorial – em busca da atractividade perdida;
Parque Empresarial – tendo o “Parque Industrial” por espécie de paradigma: a questão da estética e os apoios às áreas de excelência;

Os Projectos:
A Loja do Cidadão – tendo o Banco de Portugal por ambição;
A Loja do Munícipe – a versão física e a virtu@l; - da modernidade à recuperação do centro histórico;
Gabinete do Empreendedor – O simplex do empresário e a determinação das áreas de excelência para o desenvolvimento regional;
Espaço Gourmet – a excelência do Alentejo num só local, um posto de turismo vivo, numa muralha perto de si;
Museu e Centro de Estudos do Azeite – Beja como a capital nacional do azeite, numa visão partilhada;
Aldeias Hotel – uma nova concepção de Turismo, para novos públicos;
Centro de Apoio a Familiares de Hospitalizados – uma Beja solidária;
Hospital de Cuidados Continuados – a Autarquia como motor de uma iniciativa público-privada;

Provedor do Munícipe – Uma visão de independência, um rosto da concorrência;
Unidade Móvel de Saúde e Atenção – levar a cidade aos montes do concelho;
. Cluster do Vinho: porque a Vinipax foi uma boa ideia;

20 comentários:

  1. Anónimo00:41

    Esteve excepcional. Muitos parabens

    ResponderEliminar
  2. Anónimo01:10

    Teoricamente tudo muito bonito!

    ResponderEliminar
  3. Anónimo01:37

    Gostei das ideias definidas

    ResponderEliminar
  4. José Sério09:17

    H, dou a mão à palmatória. Se não todos mas apresentou aqui um conjunto de ideias a ter em conta, sem dúvida! Já vi a noticia e nesse campo permito dizer-lhe que o candidato ao invés não tem pernas para o meu amigo! Se tivesse ficado calado a sessão teria mais resultado acredite! Talvez os papeis estejam invertidos porque como sabe, quem nasceu para ser lagartixa não chega nunca a jacaré!
    Parabéns mesmo assim.

    ResponderEliminar
  5. Caro H
    Parecem-me tudo boas ideias, pois no papel as coisas correm sempre como nós imaginamos. O pior é a prática e haver vontade política para a concretização dessas vossas ideias caso ganhem a câmara ou haja um empate técnico.
    Tive pena de não ter ido pois sou amigo do Jorge Pulido e conheço o H, o seu trabalho e as suas ideias, mas por razões políticas, não do meu partido, mas dos diversos PSs que lá estariam, ser julgado como algum espião.
    È aqui que as coisas chocam para mim todos deveremos contribuir para a melhoramento da nossa região independentemente
    da cor política.

    PSD (é pá desculpem lá mas não consigo escrever PS): Em relação ao SILÊNCIO esta foi a resposta do H num outro coment:

    Eus - Também tive a ouvir a música da madrugada! E claro que também não a aplaudi! Mas.. não retiro uma virgula ao "post do silêncio". Porque uma noite não faz uma cidade! Mas.. claro que é preciso cuidado com os horários!

    Pois aqui fica o horário de balhos festas e romarias num raio de 100 metros da minha casa:
    19/06/09 - rasta festa e mastro do bairro social,
    20/06/09 - rasta festa e mastro do bairro social,
    21/06/09 - mastro do bairro social,
    22/06/09 - descanso,
    23/06/09 - mastro do bairro social,
    24/06/09 - mastro do bairro social,
    25/06/09 - arraial na ESEB,

    26/06/09 - provávelmente mastro do bairro social,
    27/06/09 - provávelmente mastro do bairro social,

    Pois é para a malta do rendimento mínimo se divertir quem tem de trabalhar está f*****.

    Amigo H uma noite não fáz uma cidade... tem de começar a acreditar nos munícipes.

    ResponderEliminar
  6. Muito, bem!
    Mas ter em atenção que vários destes tópicos não são de todo originais ou exclusivos deste 'pilar' da candidatura do sr. JVP, especialmente os relacionados com saúde, entre outros.

    ResponderEliminar
  7. Beja(s)10:51

    Hugo, parecem-me muito boas as conclusões do grupo de trabalho.

    Uma coisa é certa, vê-se a preocupação em resolver e ajudar certos problemas que encontramos na actividade da cidade.

    É por isso que desejo a mudança na Câmara, falta-lhe esta iniciativa empreendedora.

    ResponderEliminar
  8. @eu roubado daqui: http://umabestaqualquer.blogspot.com

    Um emigrante de Angola Chega a Portugal - Beja.

    No seu primeiro dia, decide sair a ver a sua nova cidade.

    Andando rua abaixo em Beja, pára a primeira pessoa que vê e diz:

    - obrigado senhor Português por permitir-me estar em este país onde me deram casa e comida grátis, seguro, médico e educação grátis, obrigado.

    A pessoa sorri e reponde: '... Sinto muito mas eu sou lituano! '

    O Angolano continua rua abaixo e encontra outra pessoa que caminhava na sua direcção e diz: - senhor português, obrigado por este país tão belo que é Portugal.

    A Pessoa responde: Sinto muito mas eu não sou português sou Romeno.

    O Angolano continua o seu caminho para a seguinte Pessoa que vê na rua cumprimenta-o e diz: obrigado por este país tão belo que é Portugal.

    a Pessoa após o cumprimentar diz:

    - muito bem mas eu não sou português sou Marroquino.

    O angolano continua o seu caminho e finalmente vê uma senhora bem vestida que vem a seu encontro e pergunta: você é Portuguesa?

    A mulher sorri e diz: Sim e não, sou cigana.

    Estranho e confuso o angolano pergunta: mas onde estão os portugueses?

    A cigana olha-o de cima abaixo e reponde: espero que a trabalhar para nos sustentar.

    ResponderEliminar
  9. Apenas duas notas, porque entendo não dever responder:
    1 - Claro que é impossível num post resumir o que disse em uma hora! Pelo que apenas fiz copy-paste da apresentação! MAS.. não se trata de ideias apenas minhas, mas de um grupo de trabalho: e claro que várias delas existem em outros locais e foram já testadas. Não defendo que se deva inventar, porque já tudo foi inventado: apenas ter a humildade de reconhecer que há boas ideias e não ter medo de as reproduzir, adaptando-as! Ou mantendo o que é bem feito, como a Vinipax que nunca tive problemas em elogiar!

    2 - As outras ideias que levei para a sessão, embora sem as destacar individualmente, para não esgotar a paciência de quem me ouviu:
    Pavilhão do Artesão;
    Infantário e rede de amas;
    Centro de Dia;
    Mercado Mensal de Produtos Biológicos;
    Kit Aldeia de produtos regionais;
    Novo Edifício da CMBeja;
    Museu da Agricultura;
    Casa de Apoio à Vitima da Violência Doméstica;
    Gabinete de apoio aos novos povoadores;
    Associação de Municípios de Fins Específicos do Baixo Alentejo: cultura, desporto, solidariedade e transportes;

    ResponderEliminar
  10. Anónimo13:35

    AIN... Q NAUSEAS!!!

    Tantas Promessitas ... Bonititas, até me faz lembrar o XÔ ENGENHEIRO... Cm os 150.000!!!

    AHAHAH

    PROMESSAS... HUMMMM!!!!

    ResponderEliminar
  11. @anónimo com náuseas - Onde leu que eram promessas?
    Quando sair o programa eleitoral, vai saber quais os objectivos para 4, para 8 e para 12 anos.
    O que se pretende é estudar as potencialidades da cidade para construir uma cidade diferente!
    Este é o momento de ouvir contributos! E sejamos honestos: o seu não foi!
    No entanto, fico lisonjeado por ter gostado do trabalho que o meu grupo realizou!

    ResponderEliminar
  12. Anónimo16:21

    Caro H: positivismo, optimismo, confiança,ambição são sentimentos, que consegiu difundir aos espectadores que permaneceram seduzidos com espectacular apresentação.
    sempre achei que seria um tesouro munido de qualidades nesta candidatura e o pilar encaixou-se-lhe na perfeição!

    PARABENS!

    RG

    ResponderEliminar
  13. Anónimo18:04

    Meu Kerido H
    Fico intrigado sobre estas propostas, e consigo enquadrá-las num cenário de natural desconhecimento do que está em cima da mesa.
    Como vai enquadrar isto na contratualização?
    Como vai financiar tudo isto?
    Com que fundos?
    Que parte da capacidade de endividamento vai utilizar?
    Todas as ideias são válidas e problema é o enquadramento financeiro para as sustentar.
    Penso que estará de acordo comigo.
    O irreal pode ser bonito, mas não ganha votos.
    Voltarei ao assunto
    Um abraço de amizade

    ResponderEliminar
  14. Anónimo19:43

    Sem dúvida foi fantástico!
    Os meus Parabéns!

    ResponderEliminar
  15. meu Querido Vidigueira -
    Pensamos muito diferente. Mas sempre me senti respeitado por si. E penso que sempre o respeitei!
    Mas hoje foi extremamente indelicado! Acredito que o tenha feito SEM INTENÇÃO, mas foi!
    Se há algo que as cento e poucas pessoas que assistiram ontem não duvidam é que - gostando mais ou menos - foi feito um trabalho sério e com rigor, apresentando propostas sérias, fundamentadas e ponderadas!
    Quase todas baratas e algumas até praticamente de borla! Porque a situação actual da CMBeja não dá para grandes sonhos e desvarios (em breve vai ler o PSD a falar sobre o desvario das contas!!).
    O que se apresentou, foram ideias para procurar fazer coisas de forma barata! Se tinha dúvidas, pergunta. Aliás: pergunte: escolha duas ou três das apresentadas no post (as que desenvolvi) e explique como se pode fazer bem e barato! (excepto, obviamente a compra do BP!).
    Quem sabe o seu Presidente aproveite alguns, provando que é diferente dos outros camaradas!

    ResponderEliminar
  16. Em Beja a CDU faz promessas, o JVP faz "Programa Eleitoral" compreendi senhor H!!!

    ResponderEliminar
  17. Anónimo10:13

    Meu Kerido H
    Peço-lhe desculpa se algo naquele comentário foi indelicado.
    Não foi essa a intenção.
    As questões colocadas revelam sómente a preocupação da evolução do distrito, devidamente sustentada em termos financeiros.
    Há compromissos assumidos pelos municipios que num futuro próximo não permitirão a que venha ou que continue desviar-se muito desse caminho traçado.
    O irreal chega quando são apresentados projectos de mais de 150 milhões de euros para um municipio como Mertola.
    O JPV sabe do que falo.
    Só gostava de ver o nosso distrito discutido com seriedade, para que a motivação de nos modernizarmos não vá por água abaixo.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  18. agenteéquesabe - Sempre nos demos bem e respeitosamente, porque este nervosismo agora?!
    O que eu disse é claro e óbvio para qualquer pessoa de boa fé: das centenas de propostas e ideias que a candidatura recebeu, irá escolher as que entender melhor e viáveis e construir um programa eleitoral! E será este programa o compromisso com a população!
    E sempre defendi que os eleitos devem ser confrontados com o seu programa: seja em BEja, seja em Mertola, seja em Lisboa!

    ResponderEliminar
  19. Kerido Vidigueira - repito: se as ideias são boas ou más, obviamente que não me devo pronunciar!
    Mas.. as do post tiveram a preocupação de ser financeiramente sustentadas: muitas são de borla, muitas são baratas! Se houver vontade e capacidade de liderar, podem FACILMENTE colocar-se em prática!
    Aliás... uma delas até o actual presidente veio defender na quinta-feira depois de se reunir em Évora com não camaradas!

    ResponderEliminar
  20. Anónimo18:14

    Querido amigo H, lamento não ter podido assistir, mas já sabes como é (ainda) a vida de mãe/profissional/esposa/filha/irmã/... papeis nos quais todas temos que ser excelentes...os amigos e as boas ideias...por vezes ficamos a perder!
    Aproveito, no entanto, para dizer que gostei do que li e concordo que com emprenho, seriedade e, claro está, trabalho, se tratam de projectos exequíveis.
    Já agora...a CMB abriu concurso, segundo grande notícia avançada pela Rádio Pax, para 18 lugares...e prevêm-se mais umas dezenas (85 ao todo, segundo parece)! Resta informar os munícipes, e todos os DESEMPREGADOS, que a tais lugares apenas podem candidatar-se os "possuidores de relação jurídica de emprego público, por tempo indeterminado, previamente estabelecida"!!! Ah e não é preciso muito: não há prova de conhecimentos (!!) porque a necessidade de contratar é urgente e para serviços permanentes! Mas, afinal não são estes concursos que levam xiiiii meeeeseees a terminar?! Ou este será mais rápido?! Ou dependerá das sondagens?!
    E viva a campanha eleitoral!
    E a Comunicação Social, para dar uma ajudinha, ou não; ou simplesmente estimular a esperança....Enfim, nada de que não estejamos já habituados...
    Bjs
    SóniaC

    ResponderEliminar

Respeite as opiniões contrárias! Se todos tivéssemos o mesmo gosto, andávamos todos atrás da sua namorada! Ou numa noite de copos, a perseguir a sua mulher!