terça-feira, fevereiro 16, 2010

Vitor Constância no BCE

Prometo não ficar espantado se o Benfica despedir o Jorge Jesus e for ao Sporting contratar o Carvalhal!

14 comentários:

  1. Como Português estou muito contente. Talvez o pior que tivemos por cá e conseguimos exportá-lo. Isto tb conta para a balança de transacções comerciais?
    Tou com medo é do substituto....

    ResponderEliminar
  2. Anónimo05:36

    Salta Teixeira, salta Teixeira óé...óé...

    Quanto ao Vitinho basta reconhecer que a incompetência dos tugas é bem recompensada para quem tem os conhecimentos certos.
    Um filho da puta que ganha mais que o presidente do banco federal americano e que permite as filhas da putisse que se passaram nos bancos portugueses merece ser recompensado assim...ou então era o tal do baraço.
    Eu quando for grande quero também ser assim, acabar o meu curso ao domingo por fax e receber o inversamente proporcional à qualidade do meu trabalho.
    Se calhar até me fodia que eu o que faço, faço bem.
    Nomeadamente chamar estes filhos da puta pelo que são.

    ResponderEliminar
  3. @anónimo - você é que dava um bom Administrador do BP!

    ResponderEliminar
  4. Anónimo12:08

    Aos poucos os ratos xuxas vão abandonando o navio/pântano em que nos atolaram e do qual não fazem a menor ideia de como sair ...

    ResponderEliminar
  5. Anónimo13:25

    Agora só falta meterem um banqueiro sério no Banco de Portugal, assim de repente lembro-me do Armando Vara, que por acaso já tem alguma experiência na banca.
    Também podem lá colocar o ex-Ministro Manuel Pinho, um homem muito experiente na economia e nas touradas.

    ResponderEliminar
  6. Anónimo15:33

    Jogos políticos condicionaram escolhas

    Constâncio eleito para o BCE no interesse da Alemanha
    16.02.2010 - 10h45
    Por Isabel Arriaga e Cunha, Bruxelas
    Pedro Cunha (arquivo)

    Os ministros do Eurogrupo formalizaram o resultado do compromisso político
    A nomeação para a vice-presidência do Banco Central Europeu abre portas para que um alemão assuma a liderança da instituição.

    Como previsto, Vítor Constâncio, governador do Banco de Portugal (BP), foi ontem escolhido pelos países da zona euro para vice-presidente do Banco Central Europeu (BCE), uma decisão que resulta sobretudo da vontade da Alemanha de aceder à presidência da instituição.


    in Público

    ResponderEliminar
  7. Só uma breve nota. Fique sempre satisfeito quando um português é eleito para cargos relevantes. No caso de VC a minha satisfação é maior, porquanto não faço um balanço positivo do seu mandato!

    ResponderEliminar
  8. Mais um que se "baldou"!!!

    ResponderEliminar
  9. Anónimo22:23

    Mais um dos portadores de genes do tempo dos descobrimentos.

    Os Reis faziam charenga entre portas para se voltarem lá para fora.

    Salazar borrifou nos investimentos em Portugal Continental, em prol dos investimentos nas Provincias Ultramarinas.

    Depois vieram os mais ambiciosos de todos, queriam voltar o mapa Europeu para Portugal ficar no Leste.

    Agora temos uma geração de politicos de merda (desculpem, tenho vergonha de escrever o adjectivo apropriado),verdadeiros irresponsáveis no plano interno (como dizem na Cabeça Gorda "umas porqueras"), para depois irem ocupar lugares de destaque lá fora, como é o caso do pior politico que já tivemos, e principal responsável por estes tempos GUTERREZ.

    ResponderEliminar
  10. Anónimo22:55

    Célia palma disse...
    Mais um que se "baldou"!!!

    ui ... já a massagista faz comentários politicos LOL

    ResponderEliminar
  11. Anónimo19:34

    Quem é o GUTERREZ?

    ResponderEliminar
  12. Parece bastante surreal a eleição de Vítor Constâncio para vice-presidente do Banco Central Europeu. Não só porque houve um "casamento" de conveniência feito em Bruxelas entre franceses e alemães, mas principalmente pelo seu péssimo desempenho no cargo de Governador do Banco de Portugal. Não se deve escamotear escândalos como os do BPN e BPP nem tampouco desresponsabilizar o papel fiscalizador do Banco de Portugal. Se o seu responsável falhou na supervisão bancária e inclusive foi censurado pelo partido do qual já fez parte, não sei como poderá ter êxito na política monetária europeia. Assim, deveria haver mais prudência em torno desta nomeação para que nem o patriotismo de ocasião rejubile.

    http://dylans.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar
  13. Anónimo01:57

    Peço desculpa deveria ter feito "GUTERREZ" de forma a ironizar como ele se apresenta lá fora.

    ResponderEliminar

Respeite as opiniões contrárias! Se todos tivéssemos o mesmo gosto, andávamos todos atrás da sua namorada! Ou numa noite de copos, a perseguir a sua mulher!