quarta-feira, fevereiro 11, 2009

Aeroporto de Beja...

Concretizou-se ontem o que já se estava à espera, dado o comportamento dos últimos quatro governos. A ANA vai gerir o aeroporto (ou devo dizer a pista de substituição para quando a Portela estiver cheia e Faro lotado!).
E mais uma vez as "forças vivas" mostraram o seu peso morto e estiverem num silêncio ensurdecedor e assustador! Com a complacência do carreirismo político e a obediência cega do funcionalismo. E depois... vem esta gente dizer que quer a regionalização para governar o Alentejo? Haja paciência...

5 comentários:

  1. Pois é! Mais uma que nos fazem. Mas não existe regionalização, ainda. Portanto a responsabilidade deve ser assacada a quem a tem por inteiro - o governo. Tudo o resto são tiros ao lado que só beneficiam o infractor.

    ResponderEliminar
  2. @LG - Claro que o primeiro responsável é o Governo. Este e os três anteriores! E penso que isso fica claro no post e em outras coisas que tenho escrito (e dito) sobre a "pista de aviação de Beja".
    Mas... não acha chocante o silêncio de toda a gente? Que vozes se levantaram a defender que o Aeroporto fosse gerido em Beja e não centralizado em Lisboa?

    ResponderEliminar
  3. Parece-me óbvia a incapacidade de influencia que a nossa região tem. Parece-me evidente que estamos a chegar a "um ponto de não retorno" - citando MRSousa. E a única forma de dar volta a isto é com a regionalização: o poder de decisão política deve estar na região, e não parece necessário, posto isto e outras situações iguais justificar, que deva ser o Baixo Alentejo em vez do Alentejo.

    ResponderEliminar
  4. Desculpa discordar. Mais vale ter alguém que sabe como gerir um aeroporto do que alguém que pensa que sabe, com a agravante que nem se sabe quem mais poderia ser...

    ResponderEliminar

Respeite as opiniões contrárias! Se todos tivéssemos o mesmo gosto, andávamos todos atrás da sua namorada! Ou numa noite de copos, a perseguir a sua mulher!