terça-feira, novembro 11, 2008

Porque querer, nem sempre é poder...

Se o meu caro leitor tem o privilégio de trabalhar sentado na intimidade de uma secretária, não compreenderá a pertinência desta reflexão. Como a minha boa leitora ou leitora boa, destituída do imenso privilégio de “os” ter, limitando-se a brincar invejosamente com os dos outros, não terá capacidade para alcançar a suprema eloquência das palavras que agora lhe direi!
Falo-lhes hoje do imenso drama do querer e não poder! Aqueles que por inerência social ou profissional, têm a necessidade de encarar um auditório, falar para um público, sempre alheio às palavras ditas, mas com imensa atenção para tudo o que são frivolidades e actos paralelos, sabem bem quão importante é a temática que hoje sabiamente abordo! Porque a todos nos acontece, pelo menos uma vez na vida: enfrentar o público com as boxers demasiado apertadas!
E o que fazer quando esse incómodo ataca a liberdade dos nossos doutos tintins? O meu apressado amigo, pode ser tentado a dar uma resposta apressada, dizendo que o único caminho possível é uma discreta coçadela! Permita-me que respeitosamente discorde. Não que seja contra esse saudável hábito, recordando que desde há muito que assumi a cruzada de lutar contra o preconceito, em
prole das tradições que caracterizam a portugalidade; o que ora afirmo é que exercer o saudável acto de os coçar, no contexto supra referido, é susceptível de perigar a escassa atenção da miudagem barulhenta que nos assiste. Admito que esteja a ser cobarde, desrespeitando a nobre tradição de antigos mestres, que estoicamente os coçavam doutamente em plena sala, com a sábia razão da suprema inteligência de quem não ignora que o saber está na mente de quem fala, não na mão que distraidamente os embala!
Uma outra solução, passa por usar com mestria os bolsos das calças, fazendo escondido aquilo que a vontade exigia que fosse feito abertamente, resguardando a comichão da devassidão dos olhares curiosos; mas, quem os tem, coça-os e que os coça, sabe bem que esta discrição é inimiga do prazer do embalo, sendo um mero paliativo incapaz de saciar o profano desejo de nos entregarmos abertamente e com volúpia a esta intensa necessidade!
Distrair o auditório para rapidamente os ajeitar, sendo tentador, tem uma imensa margem de erro, porquanto, nunca sabemos se estamos a distrair quem já está distraído, correndo o perigo de nos apanharem com a mão na botija, sendo que, neste contexto, botija é um eufemismo para os genuínos testículos. Esses mesmo que, enquanto leu este texto, não resistiu a passar a mão! Não é verdade?

3 comentários:

  1. Há uma receita perfeita para esses casos: água e sabonete, hehehe!!

    ResponderEliminar
  2. Tem graça. A mim também me apetece sempre coçar o grelo :O)

    ResponderEliminar
  3. Great service, easy transaction, discreet packaging, product works as expected. I received 132 pills instead of 120 + 10. My package was opened by US Border Patrol. Confirmation email showed discounted price for buy viagra. I called the toll free and spoke to an service representatice in Mumbai India. She was very helpful and pleasant.
    FDA approved mens health medication viagra is not a drug to be taken lighliy you should read all about the pros and cons regarding the medication before you buy viagra! or if you would like just to read about Viagra you can visit this location!
    I will keep using it. Have had the most incredible experience using viagra. By that I mean that I am well into my 50s and it gave me that little extra something that I had lost. Thank you i will by more
    Online Pharmacy

    Buy Cialis Online


    buy vicodin
    hrydrocodon no prescription
    hydrocodone no prescription
    buy phentermine online
    phentermine online
    phentermine online
    phentermine online
    buy phentermine
    buy phentermine
    buy phentermine
    buy phentermine
    buy phentermine
    buy phentermine
    phentermine no prescription
    phentermine no prescription
    phentermine no prescription
    xanax no prescription
    xanax no prescription
    buy xanax online
    xanax no prescription
    buy xanax online
    buy xanax online

    ResponderEliminar

Respeite as opiniões contrárias! Se todos tivéssemos o mesmo gosto, andávamos todos atrás da sua namorada! Ou numa noite de copos, a perseguir a sua mulher!