quarta-feira, dezembro 31, 2008

Está quase a terminar.....

... a merda do ano de 2008. Um ano patético, em que os meses gozaram com as semanas, os dias desiludiram as horas, os segundos mentiram às estações, depois de Outono que parecia risonho, veio uma longa primavera triste, um verão sem chama e um inesquecível Inverno que desnudou a verdade das muitas mentiras...

9 comentários:

  1. Apoiadíssimo!!!

    Um Bom Ano Novo para ti também!

    ResponderEliminar
  2. Anónimo19:01

    Até a foto mudou...

    ResponderEliminar
  3. piruças19:06

    E o ano que aí vem deve ser outra BOSTA.. vamo-nos embebedar e ingerir calorias até rebentar e que se lixe!!!

    Bom Passagem de Ano!

    E para quem fôr ao Show no multiusos não esqueça o impermeavel ou impermiavel ou falta algum acento ou assento rsrsr?(agora não me apetece consultar o dicionário)

    ResponderEliminar
  4. H,uns votos sinceros de um ano repleto de desejos concretizados, nestes sei que gostaria de lecionar uma licenciatura na área do Direito na ESTIG...gostava de o ver concretizado....quanto ao seu segundo grande desejo... nem pense nisso... ainda não é este ano que a CMBeja irá mudar de cor(mas seria de bom tom mudar algumas personagens).
    PS: não tenho tido vagar...mas em 2009 vou comentar o post acerca da cooptação de presidente na CMAljustrel.....BOM ANO!!!!!

    ResponderEliminar
  5. Caro Mestre

    Um abraço especial e votos de um bom Ano Novo. Que 2009 lhe traga tudo o que deseja.

    João Nuno Sequeira

    ResponderEliminar
  6. Igualmente, João Nuno!

    ResponderEliminar
  7. @ito - Acredite: em nenhum momento nos meus patéticos desejos para o novo ano pensei na questão autárquica. Para mim é algo de somenos importância!

    ResponderEliminar
  8. "mea culpa"!!!...aínda dá para substituir pelos desejos desportivos????é que assim não necessito de alterar o comentário!!!!

    ResponderEliminar
  9. here you can find Viagra the best solution for ED treatment ,
    Viagra every 6 hours every day.

    ResponderEliminar

Respeite as opiniões contrárias! Se todos tivéssemos o mesmo gosto, andávamos todos atrás da sua namorada! Ou numa noite de copos, a perseguir a sua mulher!