terça-feira, agosto 17, 2010

Quando decidi fazer nudismo...

Aconteceu há uns dias, mas andei a ponderar se dissertava sobre o tema! Porque as coisas não foram propriamente perfeitas e não obstante a confesso a timidez de abordar um tema tão fálico, um dever de consciência impeliu-me para a tela!
Gostaria de poder afirmar que fiz nudismo por paixão pelo naturismo, por estar imbuído de uma qualquer manifestação de sentimento ecológico, por um chamamento da geração verde, uma forma de protesto contra a sociedade de consumo imediato ou uma qualquer ponderosa justificação daqueles que os intelectuais se fundamentam para racionalizar as suas escolhas! Mas era mentira e como muitos dos meus leitores são homens entendo não ofuscar a veracidade!
Fi-lo por estritas razões egoístas e estéticas: sustento que cada um deve mostrar aos outros o melhor de si o que tem de mais belo e, sejamos francos, eu não sou propriamente bonito!
Assim lá procurei um local mais ermo numa praia frequentado e despi-me de preconceitos, sendo que, no caso em apreço, o preconceito era um calção de banho azul, que dias depois me foi roubado da corda!
O espectáculo foi quase grandioso: eu por ali deitado, submerso na grande sombrinha azul, de badalo ao ar, lendo uma muito bem conseguida biografia de Marcello Caetano! Penso que o leitor concordará que haverá poucas coisas mais sensuais na vida que um tipo de vergonhas à mostra a ler Marcello, em pleno meio de Agosto, numa praia onde estranhamente estava tudo vestido, com a honrosa excepção deste seu amigo! Tomei banhos de sol e mar, comi uma fruta até que, senão quando, o cansaço venceu-me e adormeci! Cada qual dorme como cada qual e eu tenho o hábito infeliz de dormir de barriga para cima; o que seria algo positivo, porquanto, sozinho de rabo ao léu, adormecer poderia resultar numa posterior dificuldade de locomoção!!!
Sabe o que é protector solar? Eu sei, mas recorrentemente tenho amnésia, pelo que, horas depois ao despertar, tinha um imenso escaldão, exactamente onde a sua retorcida mente está a pensar! Ir ao Centro de Saúde nestas circunstâncias, foi algo complexo e memorável. Mas deixo isto para um outro post...

9 comentários:

  1. perante toda a conjuntura "escaldante" porque adormeceu, imagine se estivesse a ler a "libertação da Bela adormecida"...LOL

    ResponderEliminar
  2. Eu não acredito!!!!...Tu inventaste esta história! Diz-me que inventaste... Mega gargalhada!!!

    ResponderEliminar
  3. Anónimo13:59

    daaaaaaaaaaaaaaaaaa

    ResponderEliminar
  4. Tu realmente se não exististe tinha que ser inventado .....

    ResponderEliminar
  5. @ana - e acha que alguém ia perder tempo a inventar uma coisa destas?!!

    ResponderEliminar
  6. Espinafres c/ Fairy15:26

    Definitivamente... é possível piorar!! E eis aqui a prova disso!! Lololol!

    ResponderEliminar
  7. Anónimo18:05

    Muito bom!! A tua capacidade de escrita é, de facto, inversamente proporcional à zona escaldada.

    ResponderEliminar
  8. @anónimo - sabe por si ou contaram-lhe?!

    ResponderEliminar
  9. Anónimo18:17

    Uns quantos co-nudistas tentaram tirar fotografias ... com grande zoom.
    Quanto a escreveres bem, sei por mim.
    Continua que eu vou lendo e rindo.

    ResponderEliminar

Respeite as opiniões contrárias! Se todos tivéssemos o mesmo gosto, andávamos todos atrás da sua namorada! Ou numa noite de copos, a perseguir a sua mulher!