quarta-feira, março 18, 2009

Alunos Erasmus...

Começo por dizer o óbvio: acho muito bem que os estudantes façam jantares nos bombeiros! Com a quantidade de álcool que bebem é preferível jantar num local com ambulâncias! Aliás, perfeito, perfeito seria a cantina do Hospital servir jantares a estudantes!
Mas ainda mais perfeito, foi assistir ao modo carinhoso como os alunos de turismo decidiram receber os estudantes estrangeiros do programa Erasmus! A maior parte da cidade desconhece, mas o IPBeja receba cerca de cinquenta estudantes estrangeiros todos os anos - falo do programa Erasmus, porque a estes devemos juntar um número semelhante dos Palop`s - que, em regra, pouco comunicam com a cidade e com os alunos nacionais. Fazer um jantar em sua homenagem, foi uma ideia muito bonita que saúdo e aplaudo. É por estes e por muitas outras que tenho orgulho em voçês. E sim: os alunos que estudam em Beja, fazem muito mais que beber copos e praxes tontas. E não perceber isso não é apenas cegueira: é burrice!

5 comentários:

  1. Atenção há que fazer a adenda que eu sou dos Palop´s(Ilha da Madeira)e todos os anos acontece o Jantar das ilhas em que se juntam também os menos Palop´s dos Açores..."E sim: os alunos que estudam em Beja, fazem muito mais que beber copos e praxes tontas. E não perceber isso não é apenas cegueira: é burrice!"

    ResponderEliminar
  2. Anónimo20:06

    voçês?! ai ai sr. prof. ...

    ResponderEliminar
  3. Pedro20:43

    Ok, tudo muito giro, mas os alunos de Erasmus quando bebem meia-dúzia de cervejas das "nossas" ficam extretamente alterados. Ainda ontem, na actuação da tuna da E.S.S.B. no C.C.D. os alunos de Erasmus não se calaram um instante. Gritavam e berravam como se não houvesse amanhã!

    ResponderEliminar
  4. Anónimo00:28

    Obrigado pela sua presença!

    ResponderEliminar
  5. Anónimo02:23

    Mas a tuna da ESSB merece... :P

    ResponderEliminar

Respeite as opiniões contrárias! Se todos tivéssemos o mesmo gosto, andávamos todos atrás da sua namorada! Ou numa noite de copos, a perseguir a sua mulher!