quinta-feira, março 05, 2009

Pais e Filhos, Filhos e Pais e Filhas da mãe!


Tenho por hábito usar a expressão “geração MacDonald`s” para definir algo que aquele com quem tudo aprendi e continuo a aprender designa eufemísticamente de “filhos ricos de pais pobres”.
Se há mudança estrutural na sociedade familiar lusitana nas ultimas décadas, tão ou mais pertinente que a emancipação da mulher, é o modo como é exercido o poder paternal, agora rebaptizado de responsabilidade parental.
Assistimos hoje a uma geração de pais que vive em função dos filhos; por razões que se compreendem - embora nem sempre se percebam – os pais procuram colmatar a escassa disponibilidade de tempo e paciência com bens materiais, atafulhando as suas crias com bens inúteis. Ainda pior do que isso, a infantilização da sociedade hodierna leva a que sejam as crianças a escolher os restaurantes que a família frequenta, a determinarem o carro que os pais vão conduzir, a escolher o local onde a família passa as suas férias, a serem os petizes os donos dos comandos de tv, decidindo quais os canais que vão ser vistos nas efémeras horas de convívio familiar.
Um dos paradigmas da sociedade actual a despudorada procura da felicidade individual: aplicado às crianças, entende-se que se deve proporcionar o máximo de momentos felizes, não contrariar, proibir os chamados correctivos, esquecendo que egoísmo é dizer “sim”, que educar obriga a dizer “não” demasiadas vezes! E até acredito que as crianças possam crescer mais felizes! Ou pelo menos os pais, que fazem esforços desumanos para enfrentar os desejos e caprichos dos filhos, durmam o sono do justos, que se deitem com a consciência tranquila de que deram o melhor de si mesmos.
Mas, se me permitem que deixa a questão para ser respondida pela consciência de quem me ouve nesta fria manha de Março, será que dizer eternamente que sim será educar ou deseducar uma criança, que caminha pela infância sem dar valor aos valores, crescendo na convicção ilusória de que tudo lhe é permitido? Mesmo maltratar e ofender os pais, que tudo suportaram para lhes oferecer o que pensavam ser a melhor das meninices?

48 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  2. Tao perto de ser mãe não sei o que me espera de futuro... e não sei se vou ser sempre correcta na educaçao do meu filho! Sei que vou educa-lo com base na educaçao que me foi dada pelos meus pais.E sempre fui ensinada a ouvir bastantes "nãos", (pois a vida nem sempre foi facil para eles)mas isso nao fez de mim uma pessoa menos importante que tantas outras e aliás aprendi a partilhar as poucas coisas que tinha, coisa que as crianças de hoje em dia infelizmente nao sabem fazer.
    Pensam que sabem tudo, abrem a boca só para pedir este mundo e o outro, são mal educadas ao serem contrariadas e, ainda acham que podem opinar na vida dos pais. O que mais me impressiona são os proprios pais que ainda se riem e acabam por fazer a vontade aos piquenos quando estes se jogam ao chão com uma birra ou pior... quando desatam a chamar nomes e ao pontapé. Digo-lhe sinceramente... há por ai muita criancinha que merecia uns valentes par de estalos e os paizinhos entao nem se fala!!!

    ResponderEliminar
  3. ao longo do meu secundário trabalhava em part time num restaurante onde assistia a criancas a fazerem birras pq nao queriam sopa e queriam batatas fritas, e os pais envergonhados pelo olhar das outras pessoas ali presentes cediam à "chantagem" dos filhos, do tipo, dou-te as batatas e tu calas-te pa esta gente parar de olhar para nos! concluao, das proximas vezes que forem ao restaurante la vai o bebezinho gritar e rebolar no chao para comer mais uma batatitas!
    Ah, mas uma vez, em plena caixa de um supermercado tb vi um miudo ai com 6 anos dar um pontape na mae pq esta lhe disse que ela não lhe comprava um boneco pq ele tinha recebido muitos no natal! =S sinceramente, no lugar dos pais nao sei como reagiria =S se com um palmada ou com um calor envergonhado na cara

    ResponderEliminar
  4. É complicado hoje em dia com tantas tentações que rodeiam a criançada dizer que não! Mas, acreditem, isso aprende-se. Claro, sou pai babado de uma filha que nunca nos deu grandes problemas, mas sei de casos onde não foi bem assim ;)

    ResponderEliminar
  5. As crianças são as menos culpadas pelas birras que têm ou pelas exigências que fazem dos pais. Os nossos filhos são o reflexo da educação que lhes damos. A educação começa logo de pequenino. Precisam de ter consciência de que não se pode ter tudo o que se pretende. É necessário dizer não muitas vezes ás suas exigencias, mesmo que estejamos com vontade de dizer sim.

    ResponderEliminar
  6. piruças08:29

    A educação começa em casa!!!A escola e os professores são apenas uma parte integrante dessa educação e não os verdadeiros educadores, como muitos pais forçosamente defendem que seja...É aos pais que cabe passar valores, ensinar a diferença entre o bem e o mal, insentivá-los a estudar, mostrar-lhes o caminho que deverá seguir para que possa ter prespectivas de futuro...os pais podem dar, mas também têm de receber..se as crianças só provam o doce não sabem a que sabe o amargo! A verdade é que para educar os filhos é necessário tempo e disponidilidade e o que é certo é que as play stations, telemoveis, computadores e jogos nunca poderão substituir a falta de atenção dos progenitors.
    Sou formadora numa escola profissional, a faixa etária das minhas alunas é 16/18 anos e é sinceramente preocupante a falta de visão, de objectivos, o pouco interesse que têm perante a vida, as depressões que são constantes, o que comem ao almoço (cachorros, sandes, hamburguers), o lanche que é substituido por um cigarro e toca para a entrada e as miudas não andam...arrastam-se.É convocada uma reunião de pais..e ninguém aparece porque isso só acontece quando os meninos reprovam por faltas e os pais vão lá com uns atestados arranjados por um medico conhecido, justificar a ausencia do aluno que nem eles próprios sabem o motivo. Eu defendo e defenderei que a educação começa no berço. confesso que também tenho fraquezas e por vezes cedo aos caprichos dos pirucinhas, mas eles sabem que eu vou "cobrar", que tenho poder para dar, mas também para tirar....

    ResponderEliminar
  7. Não tenho filhos e ainda estou a pensar se os terei ou não, como a vida está...
    Agora digo eu, se não tenho levados uns bons supapaos do meu pai na devida altura, agora, talvez fosse um grande bandido.
    Os papás de hoje em dia sabemos como pensam...é vergonhoso os pais passarem o dia fora de casa e acharem que os professores é que têem que educar os seus filhos.

    ResponderEliminar
  8. marcos20:50

    O escriba/professor está com um discurso a dar para o avinagrado. Como você, já nos anos sessenta/setenta alguém se lembrou de condenar a geração do rock e dos hippies. Geração essa que produziu dos maiores cientistas, artistas e pensadores dos tempos modernos. Geração que solidificou e disseminou a democracia pelo mundo. Por cá, um tipo chamado Vicente Jorge Silva, alcunhou toda uma geração (a minha) de “rasca” por "mostrar o cú" à ministra Manela. Geração, essa, que agora carrega o país às costas e talvez por isso não possa dar aos seus filhos toda a atenção que gostaria. No entanto, não creio que os pais e os filhos de hoje sejam assim tão diferentes do que eram no seu/meu tempo (e mesmo no tempo do Vicente). A sociedade evolui e com ela as relações que se estabelecem entre as pessoas, incluindo a relação parental. Temos, ainda, muitos aspectos positivos que foram acrescentados à fórmula pais/filhos/sociedade dos quais parece esquecer-se: hoje, o pai educa, antes via a mãe educar enquanto via a bola na televisão e bebia uma sagres; hoje, a hierarquia familiar é mais esbatida; antes, o lugar da mulher era na cozinha e as crianças ficavam onde lhes mandavam (às vezes com o tornozelo amarrado por um baraço à mesa da sala); hoje, a violência familiar começa a ser socialmente recriminada, antes, educava-se à porrada; Hoje, Rimos, choramos, amamos, sofremos com os nosso filhos, antes, também!

    ResponderEliminar
  9. @marcos - Concordo com tudo o que fica escrito (até porque eu até estava nas manifestações do rabo à Ministra Ferreira Leite!). Mas: o que tem o que disse, com o facto de alguns muidos chamaram vacas às mães ou baterem nos pais?

    ResponderEliminar
  10. marcos02:18

    @H

    Acerca do que refere, não tenho nada a dizer, excepto que: violência é violência, seja o filho a bater no pai ou vice-versa.

    Sobre o resto, prefiro acreditar nas novas gerações, que em muitos aspectos nos dão 7 a 1 (sim é uma referência à sua filiação clubística). Quanto ao "gap" geracional (que, FELIZMENTE, existe e não é apanágio apenas do nosso tempo), este artigo ajudou-me articular as ideias: http://blogdaformacao.wordpress.com/2006/11/09/imigrantes-digitais/

    ResponderEliminar
  11. @marcos - Um pai bater no seu filho como modo de repreensão é violência???????????????????


    Não brinque comigo sr.marcos...

    ResponderEliminar
  12. marcos12:28

    @Tenro

    Agredir um adulto é violência (e crime), bater numa criança é pedagogia. Será isso?

    ResponderEliminar
  13. Anónimo04:57

    Aha, has got! [url=http://cgi1.ebay.fr/eBayISAPI.dll?ViewUserPage&userid=acheter_levitra_ici_1euro&achat-levitra]acheter levitra sur le net[/url] It agree, a useful phrase

    ResponderEliminar
  14. Anónimo04:07

    Je peux beaucoup parler sur cette question. achat de cialis cialis sans ordonnances [url=http://runfr.com]acheter cialis[/url]

    ResponderEliminar
  15. Anónimo06:55

    Ce message trГЁs prГ©cieux http://lettresdudroit.com viagra [url=http://lettresdudroit.com]acheter viagra[/url]

    ResponderEliminar
  16. Anónimo00:52

    E come riformulare? tgnaqhqeua xugsszndto [url=http://www.lacasadicavour.com/cialis/]cialis [/url] zyvoxajthh tqinspkwfp cialis acquisto mwegdmtwxe fdbrxrdars

    ResponderEliminar
  17. Anónimo05:47

    aohthbrihg syagdgeims [url=http://www.lacasadicavour.com/cialis-generico-online/]acquistare cialis [/url] axhtdrvroy qlqjngicjd generico cialis dkssojohms lfmzmbiyfy

    ResponderEliminar
  18. Anónimo02:37

    Ce message simplement remarquable http://runfr.com/acheter-cialis cialis 20mg lilly acheter viagra cialis

    ResponderEliminar
  19. Anónimo20:27

    que dans un tel cas de faire ? http://lettresdudroit.com acheter viagra [url=http://lettresdudroit.com]viagra[/url]

    ResponderEliminar
  20. Anónimo22:34

    Que palabras... La idea fenomenal, excelente http://nuevascarreras.com/tag/cialis-generico/ cialis dosis recomendada Mi dispiace, ma, a mio parere, si sbaglia. Sono sicuro. Cerchiamo di discutere di questo. Scrivere a me in PM, ti parla. cialis o viagra

    ResponderEliminar
  21. Anónimo01:35

    C'est simplement incomparable topic http://runfr.com/tag/acheter-cialis achat cialis sur internet acheter cialis 20mg

    ResponderEliminar
  22. Anónimo03:41

    Non dans cela l'affaire. cialis generique http://runfr.com viagras acheter cialis generique

    ResponderEliminar
  23. Anónimo04:34

    [url=http://italtubi.com/levitra/ ]levitra acquisto [/url] thDirettamente in obiettivo comprare levitra

    ResponderEliminar
  24. Anónimo06:04

    Non mauvais topic http://runfr.com/tag/20mg cialis 20mg acheter viagra sans ordonnance

    ResponderEliminar
  25. Anónimo06:56

    vous avez dit cela correctement :) lejaculation precosse

    ResponderEliminar
  26. Anónimo15:27

    Dans cela quelque chose est. Il est clair, merci pour l'explication. http://runfr.com achat viagra belgique cialis 10mg

    ResponderEliminar
  27. Anónimo06:46

    Bemerkenswert, die nГјtzliche Phrase viagra online kaufen viagra rezeptfrei [url=http//t7-isis.org]viagra kaufen[/url]

    ResponderEliminar
  28. Anónimo03:42

    Ich berate Ihnen, die Webseite anzuschauen, auf der viele Artikel in dieser Frage gibt. viagra viagra bestellen [url=http//t7-isis.org]viagra[/url]

    ResponderEliminar
  29. Anónimo20:37

    Ich denke, dass Sie den Fehler zulassen. Ich biete es an, zu besprechen. viagra viagra [url=http//t7-isis.org]viagra kaufen[/url]

    ResponderEliminar
  30. Anónimo10:32

    la mГЄme chose urbanesi quelque http://runfr.com/tag/20mg cialis 20mg cialis generique

    ResponderEliminar
  31. Anónimo09:53

    Bravo, cette idГ©e remarquable faut tout juste Г  propos cialis http://runfr.com/tag/cialis acheter cialis generique achat cialis sur internet

    ResponderEliminar
  32. Anónimo05:46

    Esto es evidente, no os habГ©is equivocado http://nuevascarreras.com/category/cialis-generico/ cialis dosis diaria Una risposta molto prezioso comprar cialis

    ResponderEliminar
  33. Anónimo17:18

    Dicten por favor, donde puedo leer sobre esto? [url=http://csalamanca.com/tag/comprar-viagra/ ]viagra espanol [/url] oebclomanp vwepfxveif viagra generico sildenafil

    ResponderEliminar
  34. Anónimo03:31

    Je demande pardon, cette variante ne me convient pas. ejaculation prematuree

    ResponderEliminar
  35. Anónimo09:07

    et tout, mais les variantes ? [url=http://runfr.com/cialis]cialis 5mg[/url] http://runfr.com achat cialis france acheter cialis forum avis sur achat cialis

    ResponderEliminar
  36. Anónimo22:10

    Bravo, vous Г©tiez visitГ©s par l'idГ©e brillant simplement remede ejaculation precoce

    ResponderEliminar
  37. Anónimo02:07

    http://www.patentgurukul.com/forum/viewtopic.php?f=3&t=39446&p=58780
    http://webproleasing.com/blog/viewtopic.php?f=2&t=89225&p=134430
    http://www.mamarozie.com/jebatrock/modules.php?name=Forums&file=viewtopic&p=24656

    ResponderEliminar
  38. Anónimo07:52

    Ce - est sain! [url=http://runfr.com/cialis]prix cialis[/url] http://runfr.com quand prendre le cialis cialis generique cialis

    ResponderEliminar
  39. Anónimo13:25

    la Riposte))) [url=http://runfr.com]prix cialis[/url] http://runfr.com vente viagra suisse cialis generique acheter viagra

    ResponderEliminar
  40. Anónimo03:09

    Par quel non mauvais topic cialis generique http://runfr.com/tag/acheter-cialis achat cialis sur internet cialis generique

    ResponderEliminar
  41. Anónimo18:51

    Je trouve que c'est l'erreur. [url=http://runfr.com]prix cialis[/url] http://runfr.com cialis tadalafil 10 mg generique cialis prix cialis

    ResponderEliminar
  42. Anónimo19:20

    remarquablement, le message trГЁs amusant l ejaculation precoce

    ResponderEliminar
  43. Anónimo03:02

    quelle mentalitГ© abstraite cialis http://runfr.com acheter cialis france acheter cialis generique

    ResponderEliminar
  44. Anónimo12:39

    la question Remarquable [url=http://runfr.com/acheter-cialis]cialis forum[/url] http://runfr.com cialis au canada accoutumance cialis 20 prix cialis

    ResponderEliminar
  45. Anónimo02:42

    You are not right. I am assured. I suggest it to discuss.

    ResponderEliminar

Respeite as opiniões contrárias! Se todos tivéssemos o mesmo gosto, andávamos todos atrás da sua namorada! Ou numa noite de copos, a perseguir a sua mulher!