terça-feira, janeiro 27, 2009

28....

Ninguem merece ler uma resposta de vinte e oito páginas a um caso prático! Mas o burro sou eu que não limitei o número de páginas! Ninguem merece ler uma resposta de vinte e oito páginas a um caso prático! Mas o burro sou eu que não limitei o número de páginas! Ninguem merece ler uma resposta de vinte e oito páginas a um caso prático! Mas o burro sou eu que não limitei o número de páginas! Ninguem merece ler uma resposta de vinte e oito páginas a um caso prático! Mas o burro sou eu que não limitei o número de páginas! Ninguem merece ler uma resposta de vinte e oito páginas a um caso prático! Mas o burro sou eu que não limitei o número de páginas! Ninguem merece ler uma resposta de vinte e oito páginas a um caso prático! Mas o burro sou eu que não limitei o número de páginas! Ninguem merece ler uma resposta de vinte e oito páginas a um caso prático! Mas o burro sou eu que não limitei o número de páginas! Ninguem merece ler uma resposta de vinte e oito páginas a um caso prático! Mas o burro sou eu que não limitei o número de páginas!

27 comentários:

  1. Ahahahah.... Honestamente, gosto mesmo de si. Acho-o profundamente são. Coisa tão rara, hoje em dia. Quase que me esqueço que está ligado ao direito, peçonha de que graças a algum deus me livrei, em boa hora, abençoada por um milagre da cura. Malfadada doença que me fez penar sete anos na FDL e mais dez na profissão!
    E porque ainda estou traumatizada, sempre lhe digo: sim, há quem mereça ler uma resposta de 28 páginas a um caso prático! Talvez o H não, mas só porque é boa pessoa!

    ResponderEliminar
  2. Ninguém merece ler uma resposta de 28 páginas a um caso prático! Mas o burro és tu que não limitaste o número de páginas...

    ResponderEliminar
  3. Ninguém merece ler uma resposta de 28 páginas a um caso prático! Mas o burro és tu que não limitaste o número de páginas...

    ResponderEliminar
  4. Anónimo17:27

    Tendo em atenção que havia colegas, no ano passado, que escreviam mtas e mtas mais... ;)

    Lily

    ResponderEliminar
  5. @lilly - 28 foi um novo record! O do ano passado eram 24 manuscritas! Estes estranhos turistas conseguiram 26 e 28!

    ResponderEliminar
  6. Anónimo19:28

    merece, merece... lol... abdul

    ResponderEliminar
  7. Anónimo19:28

    merece, merece... lol... abdul

    ResponderEliminar
  8. Anónimo19:35

    Não estava à espera só de elogios por parte dos aluno(a)s.
    Ele(a)s elogiam mas também o fazem penar........

    ResponderEliminar
  9. Claro que há alunos que elogiam e alunos que criticam. E todos os semestres me avaliam. E... obviamente que muitos não gostam de mim e que têm criticas. Hoje por exemplo lancei uma pauta baixa: obviamente que me chamaram todos os nomes. São coisas da vida!

    ResponderEliminar
  10. lol então se o moço tinha muita coisa para dizer, precisava de espaço. e caracteres.... ah ah ah ah ah ah ah ah ah mas o burro és tu! lol

    ResponderEliminar
  11. Anónimo21:47

    ñ se esqueça que a nota do caso prático ñ aparece no moodle... ontem estava lá, mas hoje desapareceu... apenas conseguimos saber pelo somatório das notas já lançadas... abdul

    ResponderEliminar
  12. abdul - já me informaram. Um dos mistérios do Moodle. Procurar resolver com brevidade!

    ResponderEliminar
  13. Anónimo22:02

    mas o somátorio está correcto? abdul

    ResponderEliminar
  14. Sim. Mas contacte-me por mail que lhe mando os parciais!

    ResponderEliminar
  15. Mas numa frequencia???
    Como é que teve tempo de escrever tanto?! :O

    Para ser tão grande, a resposta deve ter sido tão original quanto os seus casos práticos! :)

    ResponderEliminar
  16. @borboletinha - acho que no seu tempo, ainda não haviam casos feitos em casa! É o caso deste!

    ResponderEliminar
  17. Anónimo22:38

    mas que tipo de caso foi o que fez? de certo toda a matéria, não?...e muito muito assunto!
    com certeza que esse/a aluno/a disse e contradisse como o H gosta e de certeza que usou todos os artºs para atacar todo caso!

    ResponderEliminar
  18. Eu quando conseguia escrever uma pagina dava-me por feliz...

    ResponderEliminar
  19. Andreia12:40

    Admito a culpa...a mea culpa...
    Foi uma proeza...
    Mas o melhor foi a nota final!
    Vale sempre a pena escrever 28 páginas! Se soubesse o que sei hoje...tinha escrito 30 ou 35...podia ser que o 20 por lá estivesse escondido!
    LOL

    ResponderEliminar
  20. Anónimo00:31

    loool
    bem não lhe vou chamar burro, mas inteligente deve ser de certeza o tipo que escreveu 28 páginas no seu caso prático, mas a culpa também em parte é sua que faz tanto mistério e aventura nos casos práticos.

    por acaso admiro essa pessoa

    ResponderEliminar
  21. Anónimo00:35

    esse caso prático foi interessante, mas mais interessante foi a frequência que só tinha duas horas para resolver e encher quatro páginas só de um caso prático que era praticamente um filme com aventura e comédia

    ResponderEliminar
  22. It seems different countries, different cultures, we really can decide things in the same understanding of the difference!
    nike shoes

    ResponderEliminar

Respeite as opiniões contrárias! Se todos tivéssemos o mesmo gosto, andávamos todos atrás da sua namorada! Ou numa noite de copos, a perseguir a sua mulher!